Santuário de Içara conclui asfalto e estacionamento para 230 carros

O projeto foi inaugurado em 2017 e ainda está passando por melhorias. Novas construções serão feitas no local

Foto: Nilton Alves/TN

- PUBLICIDADE -

Thais Borges/Especial
Içara

Os fiéis ou turistas que irem até o complexo do Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, agora vão poder estacionar em um novo local com espaço suficiente para 230 carros. Essas obras de melhorias estão sendo realizadas desde a inauguração do Santuário.

- PUBLICIDADE -

O pavimento de acesso também já foi concluído e abençoado na última semana pelo Dom Jacinto Inacio Flach, bispo da diocese de Criciúma.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

Melhorias

Quem entrar dentro do Santuário ainda neste ano irá se deparar com uma linda pintura nos tetos da construção. Um mosaico também será implementado ao local. As calçadas, um parque infantil e um velário fazem parte das melhorias que ainda serão entregues em 2022.

Novas construções

A Igreja da Reconciliação, a Igreja da Ressurreição e o Caminho das Sete Palavras são as novas construções do complexo que estão por vir e irão integrar o lugar.

Espaços concluídos

Os espaços que já foram concluídos nos 13,5 hectares são o Santuário, a Casa do Peregrino, a Casa do Reitor, uma cafeteria, a capela do Senhor Morto, a Igreja de Santa Faustina, a Igreja da Agonia, a Via Sacra da Paixão, a Via Sacra da Ressurreição, o Caminho das Promessas, a Praça de Nossa Senhora e um auditório.

Cinco anos de fé

No último domingo, 24, foram comemorados os cinco anos do local. A cerimônia da Festa da Misericórdia reuniu 20 mil pessoas. As novas obras foram abençoadas pelo bispo da diocese de Criciúma, Dom Jacinto Inacio Flach.

A festividade também faz parte das comemorações da Semana Santa, pois o segundo domingo após o de Páscoa, é o domingo da misericórdia.

Amor antigo

Muito antes de ser o que o Santuário é hoje, Adriana Silva, de 50 anos, já estava envolvida nos primeiros debates sobre o futuro do local. “Acompanho desde que ele foi sonhado. Esse amor vem antes mesmo do terreno ter sido encontrado”, lembra.

Ela faz parte da equipe de comunicação do Santuário e, por isso, está sempre no complexo. “É maravilhoso ficar no Santuário. Ver o crescimento dele com essa dimensão, velocidade, é algo que enche o coração de alegria. Não só o meu, mas de todos os fiéis que frequentam com assiduidade”, completa.

História

Em 2012, um pensamento para a construção do Santuário na região já havia surgido, mas foi só em 2014 que a primeira estaca foi fincada no Morro Bonito, em Içara. Três anos depois, era inaugurado o espaço de 13,5 hectares, construído com o apoio dos fiéis por meio de rifas.

Doado pelo empresário Zefiro Giassi, o local é rota de fé para muitos católicos e é um ponto turístico que atrai pessoas de cidades próximas e outros estados. O reitor do Santuário, padre Antônio Vander, relembra minuciosamente a espera pela igreja. “Foram três anos e 22 dias para a construção do Santuário”.

As colaborações dos fiéis foram peças-chaves importantes para levantar a estrutura. “As doações foram todas populares. O povo de Deus, de forma geral, fez doações que ajudaram o Santuário chegar onde chegou”, fala Vander. “É um lugar de todos nós, que contribuímos, edificamos, fazemos acontecer as coisas. Quando o fiel colabora, ele se sente parte daquele processo, parte daquele lugar”, complementa.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.