Saiba quais são os carros que devem mais IPVA em Santa Catarina


- PUBLICIDADE -

O pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) 2022 em Santa Catarina teve início neste mês. E tem proprietários que acumulam altas dívidas com o IPVA.

Os cinco maiores devedores do imposto em Santa Catarina acumulam, em média, R$ 84 mil em débitos. Entre os devedores estão carros de luxo como Ferraris e BMW.

- PUBLICIDADE -

Dois dos cinco carros que fazem parte da lista dos maiores devedores estão há uma década sem pagar o imposto. O líder das dívidas é uma Ferrari modelo 360 Modena F1, ano 1999, no qual o IPVA devido é de R$ 112.936,95, referente aos exercícios de 2012 a 2021.

Dados da secretaria de Estado da Fazenda apontam um crescimento na inadimplência no pagamento do IPVA nos últimos cinco anos. Ano passado, quando houve uma arrecadação de aproximadamente R$ 2,3 bilhões, quase 6% dos proprietários de veículos em Santa Catarina não pagaram o imposto.

Lista dos carrões devedores

1º – Ferrari 360 Modena F1 – 1999

IPVA devido: R$ 112.936,95
Valor referente aos exercícios de 2012 a 2021
Preço médio do veículo (tabela Fipe): R$ 394.784

 

2º – Ferrari 430 Scuderia – 2008

IPVA devido: R$ 99.065,92
Valor referente aos exercícios de 2017 a 2021
Preço médio do veículo (tabela Fipe): R$ 903.530

 

3º – Ferrari 360 Spider – 2004

IPVA devido: R$ 88.628,39
Valor referente aos exercícios de 2015 a 2021
Preço médio do veículo (tabela Fipe): R$ 552.148

 

4º – BMW M3 Coupe KG91 – 2011

IPVA devido: R$ 81.448,42
Valor referente aos exercícios de 2012 a 2021
Preço médio do veículo (tabela Fipe): R$ 209.800

 

5º – Ferrari 360 Modena F1 – 2003

IPVA devido: R$ 79.270,13
Valor referente aos exercícios de 2015 a 2021
Preço médio do veículo (tabela Fipe): R$ 585.654

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.