19.2 C
Criciúma
segunda-feira, abril 22, 2024

Chapecó registra primeira morte de feto por Covid-19

O município de Chapecó, no Oeste catarinense, registrou a primeira morte de um feto em decorrência da Covid-19. A morte aconteceu no dia 16 de julho e a vítima era um menino, segundo informações divulgadas no Boletim Epidemiológico, divulgado pela prefeitura na quinta-feira (5).

A prefeitura informou que a doença foi identificada por meio de exames de sangue e da placenta e que a mãe foi diagnosticada com Covid-19, mas passa bem.  A idade gestacional do feto não foi revelada, mas a Secretaria de Saúde de Chapecó informou que o bebê estava em avançado estado de formação.

Questionada se a mãe havia recebido a vacina contra a Covid-19, não houve retorno da Secretaria. No entanto, a orientação é para que as gestantes recebam o imunizante.

Mortes de menores de 1 ano em SC

De acordo com dados do painel de casos de Covid-19 do governo do Estado, que detalha os casos de óbitos em Santa Catarina, há 18  mortes no Estado de bebês com menos de 1 ano. No entanto, não é especificado se eram bebês ou fetos. Deste número, 11 são meninos e sete são meninas.

Conforme as informações do painel, Chapecó possui duas mortes de menores de 1 ano. Além do feto, há o caso de uma menina, que morreu em 16 de fevereiro deste ano. A idade da bebê não foi revelada, sabe-se apenas que era menor de 1 ano.

O município de Chapecó contabiliza 682 mortes em decorrência da doença – deste total, 559 aconteceram neste ano e 123 em 2020.

A reportagem do ND+ entrou em contato com a Secretaria de Estado da Saúde para identificar a quantidade de fetos que morreram em decorrência do vírus em Santa Catarina, mas não obteve retorno até esta publicação.

Via ND+

Últimas