Com estoques em baixa, municípios da região racionam vacina BCG

Ministério passou a enviar uma menor quantidade de doses nos últimos meses; aplicações devem ser agendadas

Foto: Nilton Alves/TN

- PUBLICIDADE -

Gustavo Milioli
Criciúma

Nos últimos meses os municípios da região realizaram campanhas para conscientizar a população da importância de manter o calendário básico vacinal, especialmente das crianças, em dia. Entre os imunizantes de rotina que registraram uma queda acentuada de aplicação neste ano está a Bacilo Calmette-Guérin (BCG), que previne, dentre outras doenças, a tuberculose e a meningite. Ocorre que as unidades de saúde estão com o estoque reduzido da BCG,com os municípios se vendo obrigados a racionar as doses.

- PUBLICIDADE -

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive/SC) alega que o Ministério
da Saúde está repassando o imunizante em uma menor quantidade, com o prazo de mais três meses para solucionar o problema. Em contrapartida, o órgão estadual garante que não há o desabastecimento da BCG no Estado.

“As Secretarias Municipais de Saúde estão sendo orientadas a racionar e otimizar o uso do imunizante durante o período previsto”, afirmou, em nota, a Dive. Como o frasco da vacina BCG é multidose e, após aberto, é necessário utilizar todo o conteúdo em até seis horas, recomenda-se a utilização por meio de agendamento da aplicação da vacina ou a centralização dos locais de aplicação.

Locais
Em Criciúma, a aplicação foi centralizada nos hospitais e em duas Unidades Básicas de Saúde: do Pinheirinho, às segundas-feiras pela manhã, e do Rio Maina, às quintas-feiras no período da tarde. É necessário preencher um cadastro e realizar o agendamento. “Se os pacientes que agendaram precisarem faltar, eles deverão avisar a unidade vacinadora para não perdermos a dose. Nós recebemos apenas 12 frascos para passarmos o mês”, aponta Arleu da Silveira, secretário de Saúde de Criciúma.

Leia a matéria completa na edição desta sexta-feira, 05 do jornal impresso Tribuna de Notícias.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.