Futebol em SC: torcedores podem ocupar 30% da capacidade de estádios

Na reunião, foi decidido que os estádios podem ter somente 30% da capacidade de torcedores na platéia e serão exigidas duas doses da vacina contra o coronavírus ou um teste de antígeno


- PUBLICIDADE -

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés e o presidente da Federação Catarinense de Futebol (FCF) participaram de uma reunião na manhã desta segunda-feira, 13, para debater sobre a capacidade de torcedores em estádios e a exigência vacinal contra a Covid-19 para acompanhar os jogos.

Na reunião, foi decidido que os estádios podem ter somente 30% da capacidade de torcedores na platéia e serão exigidas duas doses da vacina contra o coronavírus ou um teste de antígeno. “A reunião foi excelente. O governador flexibilizou aquilo que a gente pediu. Nós queríamos apenas uma dose da vacina, mas ele não se abriu. Só entra no estádio quem tiver as duas vacinas. Quem não tiver e quiser entrar, tem que fazer um teste de antígeno”, afirmou Rubens Angelotti, presidente da FCF.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.