19.2 C
Criciúma
quarta-feira, julho 17, 2024

Veja os novos remédios gratuitos distribuídos pela Farmácia Popular

Distribuição gratuita é válida a partir desta quarta-feira, dia 10

O Ministério da Saúde vai passar a oferecer, a partir desta quarta-feira, dia 10, 95% dos medicamentos de insumo de forma gratuita para a toda a população. A ação é realizada em comemoração aos 20 anos do Programa Farmácia Popular do Brasil (PFPB). Remédios indicados para o tratamento de colesterol alto, doença de Parkinson, glaucoma e rinite poderão ser retirados de graça pela população de todo o país.

Ao todo, o programa oferta 41 itens, entre fármacos, fraldas e absorventes e, até a implementação dessa medida, somente medicamentos indicados para pessoas com diabetes, hipertensão, asma, osteoporose e anticoncepcionais eram gratuitos. A expectativa é que cerca de 3 milhões de pessoas que já utilizam o programa sejam impactadas e, em média, isso pode gerar uma economia para os usuários de até R$ 400 por ano. 

Para os outros, o Ministério da Saúde pagava até 90% do valor de referência dos medicamentos e o cidadão pagava o restante, de acordo com o valor praticado pela farmácia. Com essa atualização, 95% dos medicamentos e insumos podem ser retirados de forma gratuita, o que equivale a 39 dos 41 itens de saúde distribuídos, ampliando o acesso a saúde para população vulnerável em todo o Brasil. 

Os interessados podem verificar a lista com os novos medicamentos e insumos oferecidos gratuitamente pelo PFPB clicando aqui.

Sobre o PFPB

O programa Farmácia Popular foi criado em 2004 para fornecer medicamentos e insumos de saúde. Relançado em 2023 com novos benefícios, como absorventes gratuitos, alcançou o melhor desempenho em quatro anos em junho de 2023, atendendo 22 milhões de brasileiros, um aumento de 8,8% em relação a 2022. O Bolsa Família passou a cobrir todos os medicamentos gratuitos, beneficiando 55 milhões de pessoas. Atualmente presente em 85% das cidades brasileiras, com mais de 31 mil estabelecimentos credenciados, o programa visa universalizar-se, cobrindo 93% do território nacional, com 536 novas farmácias credenciadas e expansão em 380 novos municípios.

Últimas