11.8 C
Criciúma
terça-feira, junho 25, 2024

André Gaidzinski se prepara para a temporada da Porsche Cup

Com presença confirmada nas três provas da categoria Endurance, sendo duas delas no exterior, piloto criciumense busca o titulo inédito. Será a sétima temporada consecutiva do atleta na categoria

Criciúma / Tiago Monte
esporte@tnsul.com

O experiente piloto criciumense, André Gaidzinski, prepara-se para iniciar a sétima temporada seguida na disputa da Porsche Cup. Neste ano, ele disputará apenas a categoria Endurance, que compreende provas de longa duração. Ao todo, o campeonato terá três etapas, todas elas disputadas por dois pilotos por equipe. Existe um revezamento durante a corrida.

Duas das provas acontecerão fora do Brasil. A primeira prova será no dia 22 ou 23 de junho, na cidade de Estoril, em Portugal. “Lá são 300 quilômetros de corrida com 2h15 de duração, mais ou menos. Pode chegar a 2h30, dependendo do tempo, porque, às vezes chove, no dia”, comenta André.

Depois a competição segue para a Argentina, na cidade de Termas do Rio Hondo, nos dias 21 ou 22 de setembro. Serão mais 300 quilômetros de duração. O autódromo foi construído em uma pequena cidade, muito conhecida pelas águas termais, mas com moradores apaixonados por alta velocidade. “Os caras são ‘doentes’ por moto e fizeram uma pista para o motociclismo. Está até no Campeonato Mundial e recebeu a pontuação de melhor pista do mundo, em julho de 2021”, explica o piloto.

ESTRATÉGIA DE PROVA

André elogia a estrutura da pista argentina. “A pista é larga, parece um aeroporto de tão gigante. Tem umas retas bem grandes e nosso carro chega a 260km por hora. É uma pista grande, tem mais de 5 mil metros, e na estrutura tem até campo de golfe. É um lugar assim, no meio do nada, onde construíram a pista”, conta.

As duas primeiras provas têm três paradas obrigatórias, cada, de seis minutos, para troca de piloto. “Ali podemos trocar os pneus, se fizer parte da estratégia da equipe e reabastecer. Temos gerência no combustível, na calibragem de pneus e troca o tag do tempo, onde marca o controle de corrida de cada piloto. O regulamento define qual é o número de voltas de cada piloto”, enfatiza André.

Criciumense se dedica integralmente à profissão e busca sempre evoluir nas pistas – Foto: Divulgação

Leia a matéria completa na edição deste final de semana do jornal impresso Tribuna de Notícias. Ligue para 48 3478-2900 e garanta sua assinatura.

Últimas