17.3 C
Criciúma
segunda-feira, junho 17, 2024

Projeto cria política para refugiados ambientais e climáticos

Entre os beneficiados com a aprovação do PL estariam os moradores gaúchos que têm migrado para fugir das enchentes

Criciúma
Paulo Paixão
politica@tnsul.com

Com a catástrofe climática que atinge o Rio Grande do Sul, um fenômeno pode ser conferido em cidades de Santa Catarina: a migração de gaúchos que buscam alento, mas muitas vezes acabam ficando desamparados no lugar aonde chegam. Nesta semana, este foi um dos temas abordados na Câmara de Vereadores de Criciúma.

O Projeto de lei 27/2024, de autoria da vereadora Giovana Mondardo (PCdoB), aprovado na terça-feira, visa estabelecer uma política municipal para os deslocados ambientais e climáticos do município, através de instrumentos econômicos, financeiros e socioambientais que permitam apoio às populações atingidas por eventos ambientais e climáticos.

“O projeto tem por objetivo criar as nomenclaturas sobre desastres ambientais, sobre refugiados climáticos, sobre essa migração, instituir, portanto, uma política municipal para desalojados ambientais e climáticos e a longo prazo, de fato, criar essa rede institucionalizada, integrada e articulada que possa fazer essa manutenção que não é algo que vai acabar muito em breve”, comentou a vereadora proponente.

Leia a matéria completa na edição desta quinta-feira, dia 16, do jornal impresso Tribuna de Notícias. Ligue para 48 3478-2900 e garanta sua assinatura.

Últimas