15 C
Criciúma
terça-feira, maio 28, 2024

Signatários recebem Selo ODS por compromissos com sustentabilidade

Evento foi realizado na tarde desta terça-feira, na sede da Associação Empresarial de Criciúma

O comprometimento com o desenvolvimento sustentável garantiu o Selo ODS 2024 para empresas, pessoas físicas, organizações de classe, organizações da sociedade civil, instituições de ensino e poder público de Criciúma e região.

A renovação do selo comprova que os signatários estão cumprindo os compromissos de adesão ao Movimento Nacional ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) Santa Catarina.

Ao todo, 74 signatários receberam o selo durante evento, na tarde desta terça-feira, 14, na sede da Associação Empresarial de Criciúma (Acic). Na ocasião, também foram apresentados os novos signatários do Comitê Criciúma do Movimento Nacional ODS Santa Catarina.

Atualmente, no Estado existem mais de 1, 8 mil signatários do Movimento ODS, distribuídos em 116 municípios e articulados em 14 comitês. O Comitê ODS Criciúma é composto por mais de 160 signatários.

“Esse é um momento muito importante para reconhecer o compromisso de empresas, instituições e pessoas físicas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A sustentabilidade é essencial para garantir um futuro próspero e saudável para as gerações presentes e futuras, e sua importância só tende a aumentar à medida que enfrentamos desafios ambientais e sociais cada vez mais complexos, como o que estamos vendo no Rio Grande do Sul, um alerta para todo o país”, destaca o presidente da Acic, Valcir José Zanette.

“Nesse momento, governos, sociedade civil e setor privado devem unir forças para construir um futuro mais sustentável, em consonância com os ODS, que são importantes porque fornecem um roteiro global para a promoção do desenvolvimento sustentável, abordando questões sociais, econômicas e ambientais de forma integrada e inclusiva”, conclui.

O coordenador geral do Comitê Criciúma do Movimento Nacional ODS, Fernando Barbosa dos Santos, também ressalta a importância de reconhecer os envolvidos com a Agenda 2030. “É uma forma de consolidar e reafirmar o nosso compromisso não só com o Movimento Nacional ODS SC, mas com a implementação e com a territorialização dos ODS, com a busca por uma sociedade mais justa, fraterna e sustentável. Quando o signatário recebe o selo, demonstra a responsabilidade dele na aplicação das ações e o compromisso com a Agenda 2030”, enaltece.

Mais de 300 ações alinhadas aos ODS

Durante todo o ano de 2023, os signatários da região Sul desenvolveram 341 ações alinhadas aos ODS. Os ODS que mais tiveram ações implementadas foram: ODS 4 – Educação de Qualidade, com 43 ações implementadas, seguido pelo ODS 12 – Consumo e Produção Conscientes, que contabilizou 40 boas práticas. Na sequência, o ODS 8 – Trabalho Decente e Crescimento Econômico registrou 36 ações, enquanto o ODS 3 – Saúde e Bem-estar alcançou um total de 25 ações implementadas.

Atlas 2030 de indicadores dos ODS

Ainda durante o evento, foi apresentada a primeira edição do Atlas 2024 de Indicadores dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, voltado especificamente para a Região Carbonífera (Amrec) e o Extremo Sul Catarinense (Amesc), além dos municípios de Braço do Norte e São Ludgero.

O documento reúne uma ampla gama de indicadores que ajudarão a monitorar o progresso em direção aos ODS na região. Desde dados sobre acesso à educação e saúde até informações sobre emprego, renda e qualidade ambiental, oferecendo uma visão abrangente e detalhada da situação atual e das tendências ao longo do tempo.

“O Atlas é uma ferramenta importante, um ponto de virada. Somos o único comitê que a partir de agora possui um documento como esse à disposição em nível regional no Brasil. É um documento robusto, com informações, conhecimento e possibilidades. Ele abre portas para a identificação de oportunidades de políticas públicas, melhorias e comparações de estudos e dados”, explica o coordenador geral do Comitê Criciúma do Movimento Nacional ODS.

O Atlas estará disponível para toda a sociedade, podendo ser acessado pelo link.

Últimas