19.8 C
Criciúma
quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Cirsures busca promover a cultura da reciclagem e a sustentabilidade

Consórcio realizou ação educativa com agentes comunitárias de saúde dos municípios para se tornarem multiplicadores da iniciativa. Taxa de coleta seletiva é de 4,22%, um número superior à média nacional

Siderópolis
Edson Padoin
cidades@tnsul.com

Visando impulsionar o Programa Intermunicipal de Coleta Seletiva no ano de 2023, o Consórcio Intermunicipal de Resíduos Sólidos Urbanos da Região Sul (Cirsures) investiu em capacitações para as agentes comunitárias de saúde dos municípios consorciados. A ação educativa, que já capacitou profissionais em Cocal do Sul, Lauro Müller, Siderópolis, Treviso, Urussanga e Orleans, se estenderá ao município de Morro da Fumaça na próxima segunda-feira, abrangendo todos os municípios que compõem o consórcio.

O programa de capacitação é liderado pela Engenheira Sanitarista Ambiental do Cirsures, Graziela Bolan, responsável pela Coleta Seletiva. Graziela destaca a importância das agentes comunitárias de saúde como multiplicadoras do conhecimento: “A mobilização e capacitação das agentes comunitárias de saúde são de suma importância para o trabalho de coleta seletiva, pois ao adquirirem conhecimento, podem exercer o papel de agentes multiplicadores, repassando informações essenciais sobre o processo de coleta seletiva para a comunidade”, salienta.

Processo

Durante as capacitações, os participantes receberam informações detalhadas sobre o processo de coleta seletiva, desde a separação dos materiais recicláveis em casa, a coleta dos mesmos, o processo de triagem até a destinação final dos materiais. O objetivo é sensibilizar, conscientizar e orientar o maior número possível de pessoas, aumentando a participação da população na coleta seletiva. Atualmente, a taxa de coleta seletiva é de 4,22%, um número superior à média nacional, mas o consórcio almeja atingir a marca de 10%.

Além das capacitações, o Cirsures ampliou as rotas da coleta seletiva em resposta a solicitações dos prefeitos dos municípios consorciados. Atualmente, o serviço de coleta seletiva do consórcio abrange 94 bairros divididos em 18 rotas, atendendo 66% da população, aproximadamente 74 mil pessoas. Desde o início do programa em 2008, mais de 8.500 toneladas de materiais recicláveis foram coletadas.

O Cirsures também realiza outras ações educativas, incluindo palestras proferidas na estrutura do aterro sanitário, visitas às escolas dos municípios consorciados e atividades em locais públicos, incentivando ativamente a comunidade a participar da coleta seletiva. O consórcio busca não apenas aumentar a eficiência da coleta seletiva, mas também estender seu impacto educativo, promovendo uma cultura de reciclagem e sustentabilidade nas comunidades.

Leia a página completa na edição desta quinta-feira, dia 26, do jornal impresso Tribuna de Notícias. Ligue para 48 3478-2900 e garanta sua assinatura.

Últimas