12.5 C
Criciúma
quinta-feira, abril 18, 2024

Bebê que foi vítima de ‘dancinha’ recebe alta de hospital

Bebê, que tem irmão gêmeo, ficou mais de 40 dias internado no hospital; caso segue em investigação pela Polícia Civil

O bebê recém-nascido que foi colocado no bolso do jaleco de uma fisioterapeuta do Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen, em Itajaí, recebeu alta na última segunda-feira (11) após ficar mais de 40 dias internado.

O bebê, que tem um irmão gêmeo e que também estava internado, nasceu com 29 semanas e 1 dia de gestação. Segundo o hospital, todos os exames de triagem neonatal foram realizados, como os laboratoriais, ultrassom de crânio, avaliação cardiológica e oftalmológica.

Os gêmeos permanecem sem qualquer alteração física ou neurológica, embora tenha sido recomendado o acompanhamento médico rigoroso como é de praxe em bebês prematuros.

Relembre o caso

Um vídeo publicado na internet flagrou uma fisioterapeuta dançando com um bebê recém-nascido no bolso do jaleco dentro do Hospital Marieta. As imagens teriam sido compartilhadas inicialmente pela própria profissional. O vídeo revoltou moradores.

Além da fisioterapeuta, outros três funcionários foram demitidos por envolvimento no vídeo.

Investigação

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que já colheu os depoimentos e que agora aguarda o laudo da Polícia Científica para concluir as investigações.

*Via ND+

Últimas