28.8 C
Criciúma
quarta-feira, fevereiro 28, 2024

Loteamento Industrial do Verdinho é entregue em Criciúma

Empreendimento deve gerar 1,5 mil empregos e movimentar, anualmente, cerca de R$ 500 milhões

A entrega e apresentação do Loteamento Industrial do Verdinho (LIV) foi realizada nesta sexta-feira, dia 11, em Criciúma. O local possui área total de 23 hectares e 21 lotes, com dimensões que variam entre 3 mil e 20 mil m², pensados para atender as demandas das empresas. O empreendimento deve gerar 1,5 mil empregos e movimentar, anualmente, cerca de R$ 500 milhões. O ato de entrega do LIV contou com a presença do prefeito Clésio Salvaro, do vice-prefeito Ricardo Fabris, de autoridades e empresários.

“Temos mão de obra por todos os lados em Criciúma. No ano passado, nossa cidade foi uma das que mais gerou empregos em Santa Catarina e, se continuarmos caminhando desta maneira, podemos melhorar ainda mais. Somente neste ano, foram 3,8 mil novas empresas abertas no município. O que faz a economia de uma cidade prosperar é a indústria, portanto, o nosso governo continuará investindo em infraestrutura de qualidade para essas empresas”, ressaltou Salvaro.

Localizado em frente ao Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Pedro Raymundo, na Rodovia Governador Jorge Lacerda, no bairro Verdinho, o loteamento está totalmente pronto para receber empresas novas ou que desejam ampliar seus negócios na região carbonífera. “É uma localização privilegiada e de fácil acesso. Por estar a apenas 1,5 quilômetro da BR-101, facilita a carga e descarga de materiais. Com certeza, esse é um grande empreendimento que fortalecerá a economia de Criciúma”, afirmou o diretor de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Criciúma, Aldinei Potelecki.

A infraestrutura é adaptada para empreendimentos de pequeno, médio e grande porte, e conta com serviços de terraplanagem, drenagem pluvial, água, pavimentação e instalação da energia elétrica. Ao todo, o Governo de Criciúma investiu R$ 6.678.515,21 na obra, e deve arrecadar R$ 7.283.329,85 com a venda dos 21 lotes, adquiridos por 18 empresas. Os contratos com os compradores foram firmados após o pagamento de 30% do valor de cada terreno, com a opção de parcelar o restante em até 12 vezes. 

Segundo Potelecki, toda a quantia arrecadada com o empreendimento será reinvestida na abertura de novas indústrias, como previsto em lei, estimulando, assim, a expansão de novos negócios na região carbonífera. “Criciúma tem potencial diferenciado devido as ações que a gestão tem implementado para atrair novos negócios e expandir os já existentes. O valor dos terrenos ficou atrativo para os investidores, sendo uma grande oportunidade para o desenvolvimento de grandes negócios”, destacou Potelecki.

O LIV recebeu quatro ruas denominadas em homenagem ao CTG Pedro Raymundo, antigo proprietário do local. A principal via, a qual tem início na Rodovia Governador Jorge Lacerda, recebeu o nome de Avenida CTG Pedro Raymundo, homenageando o músico e compositor de canções gaúchas, rua João Agostinho Becker, com o nome do patrão artístico e um dos idealizadores do CTG no Sul catarinense, rua Taurino Pereira, em homenagem ao patrão e também fundador do CTG, e rua Neivo José Tiscoski, que recebeu o nome do patrão de campeira que contribuiu com a entidade, investindo e cuidando do local.

Últimas