19.9 C
Criciúma
terça-feira, outubro 3, 2023

Tigre: Paixão que estremece as arquibancadas

Tiago Monte

Criciúma

Fundada em 2006, a barra Os Tigres trouxe uma nova forma para a torcida carvoeira demonstrar o amor ao clube. “Criamos uma torcida diferente das demais que já existiam. Começou com o encontro pelas redes sociais, na época. Nos reuníamos no setor N, atrás do gol, onde acabou virando marca registrada”, diz Fabiano Costa Coelho, vice-presidente da Os Tigres.

A barra tem como influência as torcidas de clubes argentinos e uruguaios. “Assim, a gente se diferencia das demais torcidas organizadas do Brasil. Estamos entre as três maiores barras do país. Todas as inspirações da nossa torcida vem de países sul-americanos como, por exemplo, as bandeiras em homenagem a quem fez história pelo clube”, destaca Fabiano.

A torcida tem como objetivo colocar os interesses do Criciúma em primeiro lugar. “Tivemos um período difícil, entre 2015 e 2020, mas a união dos torcedores manteve a Os Tigres viva. Agora, estamos com estabilidade e voltando a crescer. Buscamos sempre o melhor para o clube e temos uma relação boa com a atual diretoria. Porém, quando precisa cobrar, nós fazemos”, comenta Fabiano.

O período do clube é celebrado pelo torcedor. “Melhor impossível. O clube se mostrando cada vez mais forte, retomamos a hegemonia do Catarinense, estádio lotado e a torcida com sensação de pertencimento ao clube. Nos sentimos em casa de novo. Isso é excelente. A nossa torcida é muito apaixonada e vai estar sempre junto”, finaliza Fabiano.

Últimas