Nova Veneza: Iniciada obra da futura creche do Distrito de Caravaggio

O terreno está recebendo os trabalhos de limpeza e terraplanagem

Foto: divulgação/comunicação Nova Veneza

- PUBLICIDADE -

A prefeitura de Nova Veneza deu início, nesta semana, às obras da futura creche do Distrito de Caravaggio. Após a licitação, a empresa foi contratada e já começou os trabalhos no terreno que abrigará a instituição de ensino. O valor do investimento foi destinado pelo Governo do Estado e tem o valor de R$ 4 milhões de reais, além de mais de R$ 1 milhão de contrapartida do município que realizou a aquisição da propriedade.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

A creche terá um um espaço total de 1500 metros quadrados e atenderá 150 crianças, praticamente o dobro do que é oferecido atualmente, nos períodos matutino e vespertino. O projeto é padronizado pelo Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos da Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), do Ministério da Educação. Ainda, serão adquiridos mobiliários e equipamentos adequados ao funcionamento da rede escolar da educação infantil, como mesas, cadeiras, berços, geladeiras, fogões e bebedouros.

O prefeito Rogério Frigo destaca o trabalho, em conjunto, que fez o município conquistar esta obra para o município. “A construção da creche é um sonho que tínhamos e que estamos iniciando este ano e vamos entregar em alguns meses. Mas é importante ressaltarmos que houve um trabalho do vereador Maykon Michels, que solicitou os recursos ao Secretário de Estado da Educação, Vampiro. E esse é o nosso compromisso, de investir em cada cidadão de Nova Veneza, os recursos que são encaminhados para a cidade”, comenta o chefe do executivo.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.