Celesc informa situação do sistema elétrico estadual atingido pela chuva

Até o final da manhã desta quarta-feira, 4, a Região Sul foi a mais atingida pelos temporais

Foto: Maurício Vieira/Secom

- PUBLICIDADE -

A Celesc está em alerta devido às chuvas incessantes que atingem Santa Catarina desde a última segunda-feira, 2. Até o final da manhã desta quarta-feira, 4, a Região Sul foi a mais atingida pelos temporais.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

NÚCLEO SUL

Durante a madrugada e na manhã desta quarta-feira a vegetação que desceu com o leito do Rio Tubarão atingiu a rede de distribuição na área das margens que percorrem a cidade de Tubarão. As enchentes registradas em alguns bairros do município também causaram falhas nos alimentadores que fornecem energia para os circuitos de redes. No pico das ocorrências, cerca de seis mil unidades consumidoras ficaram sem energia.

Entre os bairros mais afetados com as quedas de luz estão Bom Pastor, Oficinas, Humaitá, Santo Antônio de Pádua e Nova Congonhas. No momento, a Celesc mobiliza oito equipes de plantão de emergência e mais duas equipes de manutenção pesada, que atuam nas manobras e reparos do sistema elétrico.

Em razão do estado de calamidade pública que deverá ser decretado pela prefeitura de Tubarão, o atendimento presencial da loja da Celesc será suspenso a partir do meio-dia. A entrada da loja de atendimento foi reforçada para que a água não atinja a unidade. Todos os atendentes serão dispensados e os serviços poderão ser realizados de forma online, por meio dos canais oficiais de atendimento da Celesc: Agência Web (no site www.celesc.com.br), do aplicativo (disponível para celulares iOS) e pelos telefones de teleatendimento: 08000 048 0120, para assuntos comerciais, e 08000 048 0196, para emergências.

Em Garopaba, Laguna e Jaguaruna, que também integram o Núcleo Sul da Celesc, foram registradas interrupções pontuais no fornecimento de energia elétrica, já restabelecidas pelas equipes da Celesc.

NÚCLEO GRANDE CAPITAL

O Núcleo Grande Capital da Celesc registrou, da noite de terça até a manhã desta quarta-feira, quedas de postes em cidades da Grande Florianópolis, em decorrência do volume de chuvas. Em Angelina, na localidade de Rio Knaul, um poste caiu, deixando 38 unidades consumidoras (UCs) sem energia. Ainda no Centro da cidade, quatro postes cederam, afetando o fornecimento de energia a 100 UCs, no pico da ocorrência. Equipes da Celesc estão atuando nos reparos das estruturas atingidas.

Já em Nova Trento, na região da Claraiba, dois postes cederam, deixando 340 UCs sem energia. Neste momento, a Celesc realiza a manutenção das estruturas afetadas.

Em Palhoça, no bairro Santa Clara, um poste foi derrubado, porém não houve falha no sistema elétrico.

NÚCLEO MEIO OESTE

Na região atendida pelo Núcleo Meio Oeste, Videira registra 593 unidades consumidoras sem energia elétrica em decorrência de deslizamento de terra que afetou a rede elétrica. Já em Joaçaba, 98 unidades consumidoras estão sem energia elétrica devido a transformadores queimados e quedas de árvores.

Em virtude das chuvas registrada nas últimas horas, a equipe de atendimento não conseguiu acesso à loja da Celesc em Ibicaré e, por isso, ela permanece fechada. A loja de Luzerna está aberta, situação que vem sendo avaliada de forma constante, já que o nível da água pode aumentar. As outras lojas da região estão abertas e devem assim devem permanecer, já que não foram identificados riscos de alagamento.

NÚCLEO VALE

Na Região de Rio do Sul, o nível da água impediu o acesso dos atendentes até os postos de atendimento da Celesc nas cidades de Chapadão do Lageado, Aurora, Lontras e Presidente Nereu, que estão fechadas nesta quarta-feira.

Nos outros municípios que integram o Núcleo Vale da Celesc, as lojas de atendimento e a rede elétrica da região estão funcionando normalmente. A região encontra-se em estado de alerta e a evolução do nível da água é acompanhada pelas equipes da Empresa de forma constante.

NÚCLEO OESTE

Nos municípios que compõem o Núcleo Oeste da Celesc, nesta quarta-feira, 4, a situação está normalizada, sem chuvas muito intensas ou constantes.

NÚCLEO LESTE

As equipes que atendem Núcleo Leste da Celesc trabalham para restabelecer as ocorrências ocasionadas pelas chuvas intensas, com prioridade às faltas de fases em ramais grandes e trafos. Neste momento, as equipes estão restabelecendo os ramais que abriram durante a madrugada e, nesta manhã, os níveis dos rios estão normais e não foram registradas ocorrências relacionadas às chuvas.

NÚCLEO PLANALTO

Nas cidades atendidas pelo Núcleo Planalto da Celesc a situação também está normal, apesar de o nível dos rios da região estarem elevados em algumas áreas. A situação é acompanhada de forma constante, mas até o momento o atendimento permanece normalizado nas lojas de atendimento em todos os municípios.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.