Bispo Dom Jacinto realiza visita à Satc

Ele esteve acompanhado do padre Joel Sávio, reitor do Santuário de Caravaggio


- PUBLICIDADE -

As histórias sobre a Satc, especialmente o carinho de ex-alunos, já tinham chegado aos ouvidos do bispo de Criciúma, Dom Jacinto Inacio Flach. Mas foi nesta quinta-feira, 24, que ele veio conhecer de perto a instituição. Acompanhado do padre Joel Sávio, reitor do Santuário Nossa Senhora do Caravaggio, Dom Jacinto visitou laboratórios, espaços de convivência, e entendeu mais sobre a proposta educacional.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

“Tinha muitas referências da Satc, mas hoje compreendi tudo melhor. É uma alegria poder ver o cuidado com a natureza, a história de valor e, principalmente, as propostas para o futuro. A tecnologia e o desenvolvimento devem ser aliados, um enriquece o outro. E a educação proporciona essa transformação”, ponderou o bispo.

Eles foram recebidos pelo diretor executivo da Satc, Fernando Luiz Zancan, pelo reitor da UniSatc, Carlos Antônio Ferreira, e pela diretora do Colégio Satc, Izes Machado Beloli Coral. Foram apresentados alguns dos projetos em desenvolvimento, que focam especialmente na formação do jovem, com princípios éticos.

Dom Jacinto pode acompanhar um pouco de uma aula com estudantes que estão envolvidos com o projeto Pilares da Vida, que procura ampliar a formação, incutindo novos valores aos jovens.

A Direção da Satc apresentou um pouco do trabalho que é realizado, não apenas no campo educacional, mas também social. “Mostramos ainda o potencial em termos de formação profissional e o quanto isso impacta positivamente na vida das pessoas. Sabemos como a Igreja tem um papel importante, levando informações e sendo protagonista na sociedade, por isso é fundamental fortalecer as relações”, ressaltou o reitor da UniSatc, Carlos Antônio Ferreira.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.