Operação Hefesto:Justiça retira tornozeleira eletrônica de três acusadas

Decisão foi anunciada na tarde desta terça-feira

Foto: Divulgação Polícia Civil

- PUBLICIDADE -

Morro da Fumaça

Três acusadas na Operação Hefesto tiveram suas tornozeleiras eletrônicas retiradas, após decisão do juiz Roque Lopedote, da 2ª Vara da Comarca de Urussanga, anunciada na tarde desta terça-feira, dia 23.

- PUBLICIDADE -

Entretanto, o magistrado ainda determina medidas cautelares, a exemplo dos demais acusados, como:

a) proibição de entrar em contato com os corréus, testemunhas arroladas no processo e funcionários da CTG Herança do Velho Pai;

b) suspensão das atividades na CTG Herança do Velho Pai;

c) comparecer em Juízo sempre que intimado;

d) não se ausentar da cidade onde reside sem autorização judicial e não mudar de endereço sem prévia comunicação a este Juízo; e

e) recolhimento domiciliar noturno, no período compreendido entre 22:00 horas e 6:00 horas, bem como nos finais de semana e feriados.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.