Caso de agulha esquecida em bebê de Armazém é investigado

Família diz que agulha foi deixada na criança após vacinação em posto de saúde

Foto: Reprodução
- PUBLICIDADE -

A família de um bebê de apenas um ano, de Armazém, afirma que uma profissional de saúde do município esqueceu uma agulha no quadril do menino durante a aplicação de quatro vacinas, na última sexta-feira (13), no Posto de Saúde Central. A prefeitura e a Policia Civil apuram o caso.

Segundo o relato da mãe, após deixar a unidade, a criança ficou aos cuidados da avó. O bebê estava chorando muito e ela pensou que o neto pudesse estar com alguma reação das vacinas. Em determinado momento, ao trocar a fralda do neném, a avó notou a agulha espetada no quadril dele.

- PUBLICIDADE -

A avó puxou a agulha e a criança gritou de dor. Assustada, a família procurou novamente o posto de saúde para comunicar o caso.

A prefeitura de Armazém divulgou uma nota informando que um procedimento administrativo disciplinar foi instaurado para apurar as responsabilidades e se for o caso, “será feita a aplicação das penalidades previstas nos artigos 86 à 126 da Lei Municipal supracitada”.

A família também registrou um boletim de ocorrência e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Via Sul Agora 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.