Tecnologia para acelerar

0
22
Foto: Divulgação

Sobrinho de Ayrton Senna e ex-piloto da Fórmula-1, Bruno Senna foi responsável pela primeira exibição dinâmica do McLaren Artura na América do Norte. Bruno deu algumas voltas no circuito de Miami Garden, onde foi disputada a quinta etapa do Mundial, há duas semanas.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

A demonstração aconteceu exatos 21 anos depois de o tio Ayrton ter conquistado a última de suas cinco vitórias em GPs disputados nos Estados Unidos. O Artura, primeiro carro híbrido de produção em série da marca britânica, já pode ser encomendado via McLaren São Paulo, com preço estimado em R$ 2,7 milhões.

As primeiras unidades chegarão ao país no segundo semestre. Construído com a nova arquitetura McLaren Carbon Lightweight, otimizada exclusivamente para modelos HPH (Híbridos de Alto Desempenho, na sigla em inglês) e produzido no McLaren Composites Technology Center na região de Sheffield, no Reino Unido, o Artura tem um novo trem de força híbrido compreendendo um motor 3.0 V6 biturbo com um elétrico de fluxo axial e bateria de alta densidade de energia. Tem 688 cavalos de potência e 72,5 kgfm de torque, podendo acelerar de zero a 100 km/h em três segundos e chegar aos 330 km/h de velocidade máxima.

Texto de Daniel Dias – AutoMotrix

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here