Shakira fala pela primeira vez sobre separação de Piqué: ‘Parece um pesadelo’

0
4
FOTO: REPRODUÇÃO/RECORD TV

A cantora colombiana Shakira falou pela primeira vez sobre a turbulenta separação de Piqué, zagueiro do Barcelona. Em entrevista à revista ElleShakira disse que de vez em quando se sente em um pesadelo.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

“Às vezes eu sinto que tudo isso é um pesadelo e que eu vou acordar em algum momento. Mas não, é real. E o que também é real é a decepção de ver algo tão sagrado e tão especial quanto eu achava que era a relação que tive com o pai dos meus filhos e ver isso se transformando em algo vulgarizado e barateado pela mídia”, disse a artista.

Shakira e Piqué se separaram no começo de junho deste ano. Os dois ficaram juntos por 12 anos e têm dois filhos, Milan e Sasha, nascidos em 2013 e 2015.  A separação aconteceu porque Shakira teria descoberto a traição e a identidade da amante de Piqué.

A cantora diz viver hoje o momento mais sombrio da vida. Além da separação e da briga com Piqué pela fortuna do casal e pela guarda dos filhos, Shakira passou recentemente por outro drama familiar: seu pai foi internado às pressas em um hospital.

“Este é provavelmente o momento mais sombrio da minha vida. Mas então eu penso em todas aquelas mulheres ao redor do mundo que estão passando por dificuldades, que estão passando por uma situação tão ruim ou pior do que a minha. Aquelas mulheres que, como eu, acreditam em valores como a família e que viram esse sonho ser destruído. Isso é provavelmente uma das coisas mais dolorosas pelas quais você pode passar. Mas eu acho que nós, mulheres, somos resilientes”, afirmou.

Ainda segundo a cantora, ela sacrificou a carreira para poder ficar ao lado de Piqué e cuidar da família em Barcelona.

“Quando o Milan começou a estudar, no fim de 2014, eu sabia que minha carreira tinha que ser colocada em segundo plano. Eu sabia que tinha que me estabelecer, criar raízes em Barcelona. Como jogador de futebol, ele (Piqué) queria ganhar títulos, e eu tinha que apoiá-lo. Um de nós dois teve que fazer um sacrifício: ou ele rescindiria seu contrato com o Barcelona e se mudaria para os EUA comigo, onde está minha carreira, ou eu teria que fazer isso”, disse Shakira.

“Um dos dois teve que fazer esse esforço e esse sacrifício. E eu fiz isso. Coloquei minha carreira em segundo plano e vim para a Espanha para apoiá-lo, para que ele pudesse jogar futebol e ganhar títulos. E foi um sacrifício de amor. Graças a isso, meus filhos puderam ter uma mãe presente, e tenho esse vínculo incrível com eles, que é inquebrável e que nos sustenta”, completou.

Shakira também reclamou do assédio da imprensa à família, principalmente em relação aos dois filhos pequenos.

“Tem paparazzi acampando na frente da minha casa 24 horas por dia, sete dias por semana. E não há um lugar onde eu possa me esconder deles com meus filhos, exceto na minha casa. Não podemos dar um passeio no parque como uma família normal nem tomar um sorvete sem que os paparazzi nos sigam. Então é difícil. Tentei esconder a situação dos meus filhos. Eu tento fazer isso e protegê-los, porque essa é a minha missão número 1 na vida. Mas aí eles ouvem coisas na escola ou deparam com alguma notícia desagradável, e isso os afeta”, revelou.

*Via R7

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here