Pastor de Safadão justifica atitude polêmica

André Vitor, amigo e guia espiritual de Wesley Safadão, revoltou internautas após ser visto abraçado uma criança por trás

0
462
Foto: Reprodução

O pastor André Vitor, amigo de Wesley Safadão, se pronunciou sobre as acusações que têm recebido na web, desde que apareceu em um vídeo tentando abraçar uma criança por trás, no domingo (25/7). As imagens mostram a garota se desvencilhando e o religioso puxando a camisa para baixo.

Em um vídeo com pouco menos de cinco minutos, postado no Instagram nesta tarde (26/7), André classifica as acusações contra ele como descabidas. “Que loucura eu ter que vir aqui fazer um vídeo como esse, mas vamos lá: hoje eu acordei com uma notícia revoltante, absurda, indigna, que me embrulhou o estômago e me fez quase vomitar na tela diante das inverdades descabidas que eu vi”, iniciou.

“Pegaram um vídeo totalmente fora de contexto, onde estávamos tendo um final de semana precioso, com amigos mais chegados que irmãos e uma quase sobrinha minha que é filha dos meus amigos preciosos, que inclusive estão aqui comigo agora, recebe um abraço meu, como ela está acostumada a receber de todos nós. E ela se sente protegida, amada e ela não por desconforto, mas porque estava ali na euforia da brincadeira, em que o Wesley joga uma torta na cara do Tiru [Tirullipa, humorista], ela vai comemorar, brincar isso, e eu puxo minha camisa”, continuou.

André alega que puxou a camisa para baixo por causa de problemas com autoestima. “Travo uma luta contra a balança. Em muitos momentos me sinto desconfortável com meu peso. Eu fico atrás dos meus amigos, às vezes coloco uma almofada, puxo a camisa por questão do peso e não por maldade. Que só os maldosos que têm demônio nos olhos viram. E hoje eu estou aqui pra me posicionar não pelos que me conhecem, porque todos me amam, todos estão desesperados, preocupados comigo diante de uma injustiça dessa gravidade”.
Nos comentários, André recebeu o apoio de vários amigos, incluindo alguns famosos. “Te amo Dedé”, declarou Simaria em apoio ao religioso. “Absurdo! Desumano! Crime! até quando meu Deus? Meu amigo, estou com você toda hora do Brasil! Te amo meu irmão”, escreveu Thyane Dantas, esposa de Safadão. “Meu amigo, dias de luta. Deus é o único juiz deste mundo. Ele te conhece”, disse Bella Falconi.
Via Metrópoles 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here