Novo híbrido de milho oferece alta tolerância ao complexo de enfezamento

Bem adaptado para a região Sul, parte do Centro-Oeste e Sudeste, produtores já poderão adquirir estas sementes para a próxima safra 2022/2023

0
44
A safra 2022/2023 está prestes a iniciar e, ao que tudo indica, a previsão é de 80% de ocorrência de La Niña, segundo a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA), dos Estados Unidos. Por isso, é importante que o produtor escolha os melhores híbridos, adequados às suas necessidades, que ofereçam maior eficiência na proteção do cultivo, buscando sempre uma alta produtividade e rentabilidade, além de serem aliados no manejo de pragas e doenças. Na lavoura sem a biotecnologia, o dano pode chegar a 44%”, diz Belia.
E neste momento, em que os produtores de milho começam a pesquisar as melhores soluções para a nova temporada, a Bayer traz ao mercado alguns lançamentos de híbridos das marcas Agroceres, Agroeste e Dekalb, já com a nova geração de biotecnologia de milho híbrido, o VTPRO4®, que irá contribuir ainda mais para o controle das principais lagartas que afetam a cultura. “Com isso, o milho fica até 5 vezes mais protegido contra essas pragas, resultando em maior produtividade, uma vez que a porcentagem de espigas danificadas cai para 2,6%.
Conheça abaixo as principais novidades para a safra 2022/2023:

AS1900PRO4 – Alto teto produtivo e estabilidade que o agricultor tanto procura

Novidade Agroeste para a safrinha, tem alto potencial produtivo, com ótima estabilidade e segurança para as principais doenças que incidem na cultura da região. É recomendado para a safrinha de Mato Grosso, parte de Mato Grosso do Sul, parte de Goiás, Rondônia, Pará, Tocantins, Maranhão e Piauí.

DKB356PRO4 – Alta produtividade aliada a ótima sanidade

Lançamento de destaque da marca Dekalb para a região alta, no verão tropical. Híbrido apresenta alto teto produtivo, ótima estabilidade, perfil de planta moderno e alta sanidade. Recomendado para a região de São Paulo, Minas Gerais, Goiás e parte do nordeste brasileiro.

AG8606PRO4 – Estabilidade, sanidade e potencial produtivo para o agricultor

O híbrido traz consigo a evolução da genética de milho, aliado com a melhor biotecnologia do mercado, VTPRO4. Se destaca por sua estabilidade, amplitude geográfica, excelente sanidade e boa produtividade.
É recomendado, tanto para verão, quanto para safrinha, em ambientes de altitude. Recomenda-se para a região de São Paulo, Minas Gerais, Goiás e parte do nordeste brasileiro.

AS1955PRO4 – O superprecoce de alta produtividade e estabilidade

Ainda em fase de testes, esse híbrido da Agroeste vem apresentando excelentes resultados em produtividade, assim como boa estabilidade e sanidade.

É recomendado para a região Sul (Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina).

AG9070PRO4 – Segurança e qualidade de grãos para os diferentes ambientes

Lançado recentemente, esse híbrido da Sementes Agroceres é uma excelente opção para milho silagem, bastante estável, com qualidade de grão e boa sanidade contra o complexo do enfezamento.

É recomendado para a região Sul (Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina).

AG8701PRO4 – União entre proteção diferenciada e alto potencial produtivo

Com alto teto produtivo, o híbrido possui uniformidade das espigas e excelente sanidade, diferencial na proteção ao complexo do enfezamento. Apresenta bons resultados tanto na primeira quanto na segunda safra de milho.

É recomendado para as regiões Sul (Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina), Médio Norte de Mato Grosso (Lucas do Rio Verde, Sorriso, Sinop, Campo Novo do Parecis), Primavera do Leste (MT), Rio Verde (GO), Uberlândia (MG), leste de São Paulo, sul de Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.

DKB260PRO4 – O superprecoce que desafia a produtividade

Com pacote fitossanitário otimizado e diferencial na proteção ao complexo de enfezamento, esse híbrido de ciclo superprecoce da Dekalb também apresenta alto teto produtivo e excelente estabilidade.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here