Em busca de crescimento para Criciúma

Prefeito Clésio Salvaro projeta um ano desafiador para a cidade e diz que seguirá buscando recursos, em Florianópolis e Brasília, para fazer melhorias aos criciumenses. A quarta etapa do Anel de Contorno Viário será um dos objetivos

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Entrando no 11º ano como prefeito de Criciúma – somando todos os mandatos – Clésio Salvaro segue com a mesma motivação dos primeiros dias de governo. Ele projeta o recém iniciado ano de 2023 como “desafiador”, mas garante que não deixará de buscar recursos, junto aos Governos Estadual e Federal, para que Criciúma siga no caminho do crescimento.

Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

“2023 será um ano novamente desafiador, com um novo governo federal e um novo governo do estado, mas vou estar em Brasília buscando recursos para a minha cidade. Vou estar em Florianópolis buscando recurso para Criciúma. Não importa quem foi o eleito. Ele foi eleito para governar para todos”, destaca Salvaro.

Ele lembra as expressivas votações que teve, em Criciúma, mas destaca que não governa apenas para quem votou nele. E cobra que assim seja com os novos líderes do Executivo Federal e Estadual. “Muito embora eu tenha sido eleito – e reeleito – com votações extraordinárias, não fui escolhido pela unanimidade, e, sim, pela maioria. Então, eu não posso governar apenas para a maioria, aqueles que me elegeram. Eu tenho que governar para todos. E assim eu vejo o Governo Federal, que tem que governar para todos. E eu vou lá buscar os recursos que são necessários para resolver as demandas da minha cidade”, ressalta o prefeito de Criciúma.

 

Um dos objetivos para este ano é iniciar a quarta etapa do Anel de Contorno Viário. A demanda será levada, em momento oportuno, ao governador Jorginho Mello. “A cidade cresce muito. Em todos os cantos. Há várias ‘Criciúmas’. Várias cidades, dentro desta mesma cidade. Às vezes, nem o criciumense conhece. O Anel de Contorno Viário é uma obra pensada, idealizada, muito positiva e nós precisamos pensar já na duplicação. Vamos pensar nisso e é um projeto que, a partir do momento que o Jorginho (Mello, novo governador) tomar posse e tiver a situação sob controle, nós vamos apresentar essa demanda a ele”, ressalta.

Leia a matéria completa na edição desta segunda-feira, 16, do jornal impresso Tribuna de Notícias. Ligue para 48 3478-2900 e garanta sua assinatura.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.