Deputada americana pede a extradição do ex-presidente Bolsonaro dos EUA

Alexandria Ocasio-Cortez relembrou o ataque ao Capitólio, que ocorreu há dois anos, após a vitória de Joe Biden

FOTO: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO

- PUBLICIDADE -

A deputada democrata Alexandria Ocasio-Cortez pediu a extradição do ex-presidente Jair Messias Bolsonaro (PL) dos Estados Unidos após a invasão do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do prédio do STF (Supremo Tribunal Federal), em Brasília, neste domingo, dia 8.

Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Em suas redes sociais, a parlamentar relembrou o ataque ao Capitólio por apoiadores de Donald Trump. Quase dois anos atrás, em 6 de janeiro de 2021, cinco pessoas morreram e mais de 950 foram presas após a invasão da casa legislativa.

“Devemos ser solidários com Lula, governo democraticamente eleito. Os EUA devem parar de conceder refúgio a Bolsonaro na Flórida”, afirmou Cortez.

O ex-presidente deixou o país em 30 de dezembro, quando viajou para a Flórida. Horas antes de partir, Bolsonaro fez, por meio de live nas redes sociais, o último pronunciamento enquanto presidente da República. Ele chorou ao afirmar que o Brasil “não vai acabar em 1º de janeiro” e que a posse de Luiz Inacio Lula da Silva (PT) não será “o fim do mundo”.

*Via R7

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.