Roberto é o novo Técnico do Sub-17 do Tigre

O profissional, que foi goleiro do Tigre e possui uma grande história com a camisa carvoeira

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -
Criciúma anunciou nesta quarta-feira (25),  a volta de Roberto Volpato ao clube. O profissional, que foi goleiro do Tigre e possui uma grande história com a camisa carvoeira, é o novo técnico da categoria Sub-17. Roberto já iniciou os trabalhos no Centro de Treinamento Antenor Angeloni e terá pela frente, inicialmente, a disputa do Campeonato Catarinense.

 > Clique e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

Roberto Volpato Netto tem 43 anos e foi revelado nas categorias de base do Criciúma, atuando em quase sete temporadas com a camisa tricolor, em um total de 161 jogos. No período se formou em educação física na Unesc. Após encerrar a carreira no próprio Tigre, Roberto passou a se dedicar a profissão de técnico e irá concluir em breve a Licença B de formação para treinadores da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

 “Estou muito feliz em voltar ao Criciúma como técnico, pois isso sempre esteve nos meus planos profissionais. Busquei formação profissional para agregar ao meu conhecimento prático e pretendo continuar me aperfeiçoando como treinador. Com toda a estrutura oferecida pelo clube e com o staff de qualidade temos certeza que faremos um grande trabalho”, afirmou o novo comandante do Sub-17 carvoeiro.
Em sua carreira como atleta profissional, Roberto também passou pelo futebol Português no Moreirense e no Vitória Setúbal, e atuou no futebol carioca entre 2005 a 2011, no Vasco da Gama e no América. Na Ponte Preta, em três temporadas, foi finalista da Copa Sulamericana, sendo um dos destaques da equipe. Ele ainda defendeu o Ituano, Água Santa, Santo André, Próspera e o Mumbai City, da Índia.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.