Corrida do cooperativismo marca integração por meio do esporte

Prova foi realizada no Balneário Esplanada em parceria entre Cermoful, Coopercocal e Cooperaliança

Fotos: Coopercocal

- PUBLICIDADE -

Corredores de todas as idades participaram, na manhã deste último domingo, dia 22, da terceira edição da Corrida do Cooperativismo, nas areias do Balneário Esplanada, em Jaguaruna. O evento foi realizado pelas cooperativas Cermoful, Coopercocal e Cooperaliança, em parceria com o Sescoop e a Prefeitura de Jaguaruna. A prova foi a principal atração do Cooperverão, que começou na sexta-feira, dia 20.

Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

A corrida foi disputada nas distâncias de 6km e 12km, com cerca de 500 participantes. A maioria dos atletas foi composta por associados das três cooperativas, sediadas em Morro da Fumaça, Cocal do Sul e Içara, mas também houve inscrições de outros municípios catarinenses e de participantes de São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul.

Ao final da prova, foi confirmada a realização do evento em 2024. “Acredito que a força da participação das pessoas, da divulgação nas redes sociais entre os participantes, deve atrair ainda mais atletas para o ano que vem”, disse o presidente da Cermoful, Rudy Recco. “Queremos firmar o compromisso de estar aqui no ano que vem, todos juntos, em um evento ainda maior”, afirmou o presidente da CooperaliançaDedé de Jesus, assim como confirmou o presidente da Coopercocal Altair Lorival de Mélo (Belha). “Ações como essas além de integrar as pessoas incentiva a prática de esportes”, complementou Belha.

O presidente da Fecoerusc, também presidente da Cerej, de Biguaçu, Edson Flores da Cunha, prestigiou o evento. “Nossa federação se orgulha por estes presidentes que fazem acontecer. O cooperativismo tem se desenvolvido na questão econômica mas, principalmente, na questão social e vocês são modelo para o futuro do nosso país, que é trazer a comunidade para participar de todo o processo”, disse Cunha.

Um dos participantes da prova de 6km, Antenor Fernandes de Jesus fez um transplante de rim em 2020. Aos 49 anos, completou a segunda corrida após a cirurgia. “Agora eu quero treinar, me preparar melhor e participar sempre”, disse ele, que joga futebol uma vez por semana para se movimentar.

A inclusão também marcou a corrida. A prova começou com a largada de atletas especiais do projeto “Pernas Solidárias”. A iniciativa social visa a integração através do esporte, na qual corredores voluntários conduzem pessoas com deficiência física ou intelectual, por meio de triciclos adaptados.

A Corrida do Cooperativismo foi uma das ações do Cooperverão, que começou na sexta-feira, recheado de atrações esportivas e recreativas, que envolveram crianças e adultos de todas as idades. Os pequenos aproveitaram o parque de diversões inflável e as brincadeiras da Palhaça Narizinho. Os maiores puderam curtir esportes de areia, ginástica, caminhada e zumba.

CLASSIFICAÇÃO GERAL

12km – Masculino
Vinicius Miranda da Silva
Diego Souza
Márcio Geremias Machado

12km – Feminino
Tatiane Gomes Marcos
Natália dos Santos Bitencourt
Simone Lunardi

6km – Masculino
Eduardo Cardoso
Kauã Mendes Firmino
Eberson dos Santos

6km – Feminino
Giovana Cadorin da Silva
Regiane Frasson
Ednara Rosa

Pernas Solidárias
Maria Eduarda
Josias

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.