24.2 C
Criciúma
terça-feira, julho 23, 2024

Tigre em busca de 10 pontos

Pontuação é a mínima para o Criciúma brigar por acesso. Desta forma, time precisará de 60% de aproveitamento em cinco jogos

Tiago Monte

Criciúma

A calculadora do torcedor carvoeiro está trabalhando bastante. Afinal, dos 15 pontos ainda em disputa, quantos serão necessários para sacramentar a classificação do Tricolor Carvoeiro? De acordo com o Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o time que chegar aos 67 pontos estará na Série A de 2024. Assim, o Criciúma precisará de 86,6% de aproveitamento nos jogos restantes. Isso representa 13 pontos. Ou seja: quatro vitórias e um empate diante de Sampaio Corrêa, ABC, Guarani, Botafogo-SP e Novorizontino.

Ainda de acordo com os estudiosos da UFMG, com 64 pontos, o que representa o percentual do atual quarto colocado, o Juventude, um time pode beliscar a última vaga. Assim, o Criciúma precisaria de 66,6% de aproveitamento nas últimas rodadas, podendo perder um jogo, ganhar três e empatar um. O Criciúma tem 54,5% de aproveitamento na competição, até o momento, já considerado apenas as últimas 10 rodadas, o número cai para 43,3%. Desta forma, o Tigre precisará melhorar o desempenho para chegar ao acesso. “A gente tem conversado bastante. No início da semana, nós tivemos uma conversa, eu e meus companheiros, e deixamos bem claro que a gente não pode baixar a guarda, a gente tem que manter o nosso espírito de aspirante mesmo, de um time que quer chegar”, destaca o volante Léo Costa.

Para o jogador, o Criciúma precisa pensar jogo a jogo. Desta forma, o foco está na partida contra o Sampaio Corrêa. “A gente está pensando jogo a jogo e o de sábado é o mais importante. É o Sampaio. Então, a gente está muito concentrado, a gente sabe da responsabilidade que é vestir a camisa do Criciúma. No sábado, a gente tem uma grande batalha contra o Sampaio e a gente precisa muito dessa vitória”, comenta o jogador.

Últimas