10.1 C
Criciúma
terça-feira, junho 25, 2024

Ex-prefeito de Pescaria Brava segue preso após Operação Mensageiro

Deyvisonn Souza renunciou seu mandato no início do mês de julho através de uma carta enviada ao poder Legislativo, após sua prisão

O ex-prefeito do município de Pescaria Brava, Deyvisonn Souza, segue preso em função da Operação Mensageiro, que investiga crimes de fraude em licitação, corrupção ativa e passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro no setor de coleta de lixo em cidades catarinenses.

Deyvisonn renunciou seu mandato no início do mês de julho através de uma carta enviada ao poder Legislativo, no dia 11, após ser preso na segunda fase da Operação Mensageiro durante uma viagem à Brasília, em dezembro de 2022.

Ex-prefeito foi um dos alvos da Operação que segue sendo investigado. Joares Ponticelli, ex-prefeito de Tubarão, teve pedido de prisão preventiva urgente pelo Ministério Público, após soltura.

Últimas