Estelionatário rouba R$ 700 mil de pecuaristas da região

Vítimas eram das cidades de Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Urussanga, Orleans, Braço do Norte e Pedras Grandes

Foto: Arquivo/TN

- PUBLICIDADE -

A Polícia Civil de Urussanga tomou conhecimento por meio de registros de ocorrência que R. de B., 36 anos, intermediava a venda de gado bovino entre os abatedouros e produtores. Ele recebia o gado do produtor, levava ao frigorífico, recebia os valores e fazia o pagamento ao produtor.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Contudo, após adquirir a confiança das vítimas, recebeu o gado, fez a entrega em abatedouros, apossou-se do dinheiro e desapareceu, causando prejuízo a pelo menos 13 vítimas nas cidades de Morro da Fumaça, Cocal do Sul, Urussanga, Orleans, Braço do Norte e Pedras Grandes. O valor do prejuízo foi de quase R$ 700.000,00 (setecentos mil) até o junho de 2021.

O inquérito policial na Comarca de Urussanga foi instaurado e conduzido pelo Delegado Márcio Neves, tendo sido decretada prisão preventiva R. em junho de 2021 na Comarca de Urussanga pelo Dr. Roque Lopedote, Juiz de Direito, com parecer favorável do Promotor Elias Medeiros Sobrinho.

Após meses de investigação e várias diligências, R. continuava foragido. Mas ele acabou preso na última sexta-feira, 4, pela PM em Araranguá.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.