Serra do Fundo Grande: Audiência abre relatório ambiental do projeto

Parte do processo que possibilitará abertura de estrada serra acima, audiência será coordenada pelo IMA e com transmissão virtual

Foto: divulgação

- PUBLICIDADE -

No início da noite desta quinta-feira, 31, mais uma importante etapa para possibilitar a aprovação do projeto Serra do Fundo Grande será realizada, em Jacinto Machado. Representantes da administração municipal, Unesc e Instituto de Meio Ambiente (IMA) de Santa Catarina participam de audiência pública em que será apresentado o relatório de impacto ambiental (RIMA), estudo que objetiva causar o mínimo de dano com a execução da obra.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Às 19h desta quinta, será realizada no plenário da Câmara de Vereadores a audiência pública para apresentação do RIMA do projeto de implantação da estrada da Serra do Fundo Grande. A abertura de um novo caminho ligando Jacinto Machado ao município gaúcho de Cambará do Sul é um dos grandes objetivos do prefeito João Batista Mezzari (Gaiola), que visa o desenvolvimento turístico e econômico local. “Este projeto é uma forma de alavancar o desenvolvimento e também criar um novo roteiro que permita aos visitantes estarem mais próximos de nossos atrativos turísticos, que estão exatamente junto a Serra Geral”, explica Gaiola.

A audiência pública será coordenada pelo IMA, com participação da administração municipal e espaço para que a Unesc, responsável pela elaboração do RIMA, possa apresentar o relatório e também responder a questionamentos que possam vir a ser levantados por representantes de entidades convidadas ou população.

A apresentação e posterior aprovação do relatório de impacto ambiental é uma exigência para que haja a liberação de licença ambiental que permita a execução do projeto. “Viemos cumprindo de forma cuidadosa e rigorosa cada etapa exigida pelos órgãos de fiscalização, de modo que possamos concretizar esse grande projeto sem nenhum tipo de entrave posterior”, salienta o prefeito.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.