Eleições: Entidades apresentam pleitos que serão levados a candidatos

Demandas em diferentes áreas foram elencadas por Acic, CDL de Criciúma, Forcri e Regional Sul da Fiesc

Fotos: Divulgação

- PUBLICIDADE -

A Associação Empresarial de Criciúma (Acic), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Criciúma, a Regional Sul da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) e o Fórum das Entidades de Criciúma (Forcri) lançaram em evento nesta terça-feira, 9, o documento com as demandas da classe empresarial aos candidatos às eleições de 2022.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Os pleitos contemplam diferentes áreas e foram elencados a partir de sugestões captadas e organizadas pelas entidades empresariais. “Com a união, o envolvimento e a participação de todos, podemos contribuir para o desenvolvimento da nossa região. Vamos trabalhar juntos, na mesma direção”, salienta o presidente da Acic, Valcir José Zanette.

“A CDL faz parte desse movimento porque facilita o entendimento do que precisamos, desde os micro segmentos até o macro. As empresas têm essa visão de que é possível tornar o Sul muito melhor”, frisa Tiago Colonetti Marangoni, presidente da entidade.

Vice-presidente Regional Sul da Fiesc, José Carlos Sprícigo cita os investimentos que a região deixa de receber por carências na infraestrutura, como a escassez na oferta de gás natural. “A Fiesc está unida com a classe empresarial nesses pleitos. O material apresentado hoje pode ser um bom plano de atuação para os candidatos da região Sul”, considera Sprícigo.

“O Forcri nasceu da ideia de juntar as entidades com o propósito de fazer coisas propositivas e positivas por Criciúma, como a defesa desses pleitos reunidos pela classe empresarial”, acrescenta o presidente do Forcri, Jairton Manique Barreto.

Disponível na internet

Presentes à reunião desta terça-feira, representantes de veículos de comunicação e de comitês de campanha locais receberam uma cópia impressa dos pleitos. Para acesso de toda a comunidade, o documento foi disponibilizado na internet, podendo ser consultado nos sites da Acic (https://www.acicri.com.br/) e da CDL de Criciúma (https://cdlcri.com.br/).

Os pleitos elencados na área de infraestrutura contemplam questões como o fornecimento de gás natural e energia elétrica; melhorias na malha viária e nos modais de transporte.

Na educação, a qualificação dos profissionais, a reestruturação das escolas públicas e o combate à evasão escolar fazem parte das prioridades. Na saúde, o fortalecimento da rede hospitalar, a ampliação do número de leitos de UTI, o reajuste da Tabela SUS e a garantia de continuidade do serviço aeromédico estão entre os principais pleitos.

As entidades também defendem a Reforma Administrativa, a Reforma Tributária, a reestruturação das Polícias Civil e Militar, investimentos no turismo integrado, entre outras ações, projetos e obras. Posteriormente, os candidatos que visitarem as entidades  também receberão uma cópia impressa do documento.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.