Zelenski acusa Rússia de usar bombas de fósforo branco na Ucrânia

Armamento é muito venenoso e pode causar graves queimaduras de difícil tratamento

Foto: Reprodução/R7

- PUBLICIDADE -

O presidente ucraniano Volodmir Zelenski disse nesta quarta-feira, 13, em um discurso ao parlamento da Estônia por teleconferência que a Rússia está usando bombas de fósforo na Ucrânia, acusando Moscou de usar táticas terroristas contra civis. O líder não apresentou evidências da acusação.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

A produção, o uso e o armazenamento de armas do tipo são proibidos pela Convenção de Armas Químicas de 1997.

As bombas de fósforo branco têm a capacidade de espalhar fogo por uma grande área e queimam até acabar com a presença de oxigênio. O fósforo branco é muito venenoso e pode causar graves queimaduras de difícil tratamento. A Rússia nega usar armas químicas, dizendo que destruiu seus últimos estoques químicos em 2017.

A invasão de Moscou na Ucrânia, o maior ataque a um Estado europeu desde 1945, fez mais de 4,6 milhões de pessoas fugirem para o exterior, mataram ou feriram milhares e deixaram a Rússia cada vez mais isolada no cenário mundial.

Os presidentes da Polônia, Lituânia, Letônia e Estônia estão a caminho de Kiev para se encontrar com Zelenski nesta quarta-feira, disse um assessor do líder polonês.

Os quatro se juntam a um número crescente de políticos europeus que visitaram a capital ucraniana desde que as forças russas foram expulsas do norte do país no início deste mês.

*Via R7

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.