Urussanga: DMA e COMDEMA se reúnem para debater sobre taxas ambientais

Os novos valores serão encaminhados posteriormente como Projeto de Lei para apreciação dos vereadores

Foto: divulgação

- PUBLICIDADE -

Nesta terça-feira, 12, a Diretoria do Meio Ambiente (DMA) e os membros do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Urussanga (COMDEMA), estiveram reunidos no salão de atos da prefeitura. Um dos assuntos abordados, foi dar celeridades aos processos de licenciamento ambiental e desburocratizar os procedimentos administrativos na nova diretoria do Meio Ambiente.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

“As taxas praticadas pela antiga FAMU, estavam acima dos valores praticados pelos municípios da Amrec, sendo necessário uma readequação dos valores”, explica a chefe de gabinete Andressa Baldassar.

Os técnicos da Diretoria do Meio Ambiente (DMA) estão fazendo um estudo detalhado, e nas próximas semanas, os novos valores das taxas ambientais será proposto aos membros do COMDEMA e posteriormente encaminhado como Projeto de Lei para apreciação dos vereadores.

“Estamos estruturando o setor, para melhor atender as demandas da nova diretoria. Queremos dar celeridade aos encaminhamentos e estudos das novas taxas ambientais, readequando com o IMA”, pontua a diretora do Meio Ambiente, Izolete Duarte Vieira.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.