Transporte público: novos ônibus começam a circular em Criciúma

Coletivo agora conta com mais modernidade, como tomadas USB para carregamento de celulares e ar-condicionado


- PUBLICIDADE -

Criciúma

O Consórcio Criciumense de Transporte Urbano (Cribus) está incorporando ao Sistema de Transporte Público de Passageiros de Criciúma (STPP/CRI) novos e mais modernos ônibus. Com o intuito de oferecer mais conforto aos passageiros, os novos veículos contam com diferenciais como tomadas USB para carregamento de celulares e estão sendo realizadas as instalações de ar-condicionado. Ao todo, foram adquiridos 25 novos ônibus alimentadores (branquinhos) e o primeiro a chegar no município já está em circulação.

- PUBLICIDADE -

Os ônibus adquiridos contam com altos padrões de qualidade, oferecendo mais robustez e eficiência operacional, que proporcionam mais segurança aos passageiros. Segundo o presidente do Conselho, Carlos Alberto Andrade, as principais modificações estão relacionadas à segurança, respeito ao ser humano e ao meio ambiente. “São novidades que visam oferecer uma melhor experiência possível para a parte da população que depende de transporte coletivo”, ressaltou.

Dentre os diferenciais referentes à segurança, estão o limite máximo de velocidade de 70 quilômetros por hora, saídas de emergência no teto e laterais, monitoramento por câmeras, e sensor que permite a movimentação do ônibus somente quando as portas estiverem fechadas. Além disso, os novos veículos são menos poluentes e contam com isolamento térmico, melhorias na ventilação, elevador de acesso e espaço reservado para cadeiras de rodas.

Visando oferecer mais melhorias aos ônibus que já estão em circulação, o Cribus também está revitalizando os veículos troncais (amarelinhos). Em todos eles, foram instalados aparelhos de ar-condicionado e quatro câmeras de gravação dentro de cada um.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.