Paradas de Natal levam música e diversão ao Nações Shopping

Espetáculos natalinos serão promovidos entre 25 de novembro e 21 de dezembro


- PUBLICIDADE -

A magia da época mais linda do ano irá invadir os corredores do Nações Shopping com os desfiles da Parada de Natal. Uma vez por semana, personagens natalinos irão circular pelos corredores do mall encantando o público ao som de músicas de Natal e com a presença do bom velhinho. A primeira Parada aconteceu na sexta-feira, dia 25 de novembro, e as próximas todas as sextas, nos dias 02, 09, 16 e 21 de dezembro, sempre a partir das 19h30.
Além dos desfiles natalinos, o Nações Shopping retorna este ano com a tradicional  Árvore dos Sonhos, a partir deste sábado, dia 26. A ação é um convite para que os clientes façam doações de brinquedos para as crianças da Nossa Casa, desta forma, tornando a data ainda mais especial e significativa. Os pedidos dos pequenos estarão decorando uma linda árvore próximo ao concierg. “Estamos com uma programação muito encantadora esse ano. Desfiles, música e muita diversão estão preparadas para que nossos clientes vivam a magia do Natal. Vamos levar experiências especiais para todas as famílias”, comenta Fernanda Prado, gerente de Marketing do Nações Shopping.
Decoração de Natal 
O público também já pode se emocionar com a bela decoração natalina do Nações Shopping inspirada no ‘Natal Musical’. O público poderá apreciar uma árvore de nove metros de altura, cercada por uma encantada orquestra de ursinhos, que irá apresentar – em horários programados – um delicioso show de jazz. Outra surpresa é o ‘Gira-xícaras’. Um brinquedo montado junto à árvore de Natal, com seis xícaras gigantes giratórias destinadas para todas as famílias. O valor da entrada será destinado à Casa Guido de Criciúma.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.