Morro Grande: Plano de Desenvolvimento será lançado na segunda

O lançamento ocorre a partir das 19h30min, na Escola Ana Machado Dal-Toé, na Rua Olavio Brovedan.


- PUBLICIDADE -

Chegou a vez de Morro Grande iniciar o planejamento para os próximos dez anos. A cidade recebe a Unesc, o Sebrae/SC e comunidade em geral na próxima segunda-feira (25/04), no evento de lançamento do Plano de Desenvolvimento Socioeconômico, realizado em parceria com a Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc).

Antes de Morro Grande, Araranguá, Balneário Arroio do Silva e Sombrio, já receberam o Lançamento do Plano. “É muito importante a participação das pessoas, por isso eu convido toda a população de Morro Grande, pois trata-se de um assunto muito importante”, enfatiza o prefeito, Clélio Daniel Olivo.

- PUBLICIDADE -

O lançamento ocorre a partir das 19h30min, na Escola Ana Machado Dal-Toé, na Rua Olavio Brovedan. “Fazer este projeto a quatro mãos com uma entidade tão relevante como a Unesc, unindo forças e expertise com o Sebrae, facilita muito o avanço para o objetivo a ser alcançado. Os municípios terão a possibilidade de enxergar as suas potencialidades, problemas e caminhos para seguir em uma direção e definir as suas prioridades”, diz o gerente Regional Sul do Sebrae/SC, Murilo Gelosa.

A pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional da Unesc, Gisele Coelho Lopes, destaca que este é um momento histórico para a Universidade e para a Amesc e propício para o debate sobre o futuro das cidades. “A Amesc tem muitos potenciais, com uma história linda de imigrantes que chegaram aqui, construíram as suas trajetórias e que agora, com as suas famílias, suas histórias, precisam construir novos legados, novos projetos. Nós estamos aqui com o Sebrae/SC para poder desenvolver esta região não somente entre quatro paredes, mas envolver todas as pessoas que querem construir os seus projetos de vida para os próximos dez anos”, conta.

Ao todo, serão 30 encontros entre os lançamentos e workshops que servirão como um canal de interlocução entre Universidade, Sebrae/SC e Amesc com a comunidade das 15 cidades. Após este processo de escuta, a Unesc fará uma proposição de objetivos estratégicos, de visão de futuro e apresentará o resultado do diagnóstico e para onde ele aponta. “Este processo é para pensar nos próximos anos e aí vem algumas perguntas para instigar o trabalho, como por exemplo, o que Araranguá tem de melhor para pensar e de que maneira podemos utilizar as nossas potências para melhorar e ampliar? Também devemos nos perguntar quais os desafios precisamos trabalhar para tornar o desenvolvimento possível. Tudo isso é colocado na agenda dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável’, destaca a coordenadora do Observatório de Desenvolvimento Socioeconômico e Inovação da Unesc, Melissa Watanabe.

A entrega dos Planos ocorrerá em novembro, seguindo daí para a governança, em 2023.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.