Há 48 anos, Tubarão sofria com a maior enchente da história de SC

Após o nível do Rio Tubarão subir e transbordar, o bairro Vila Presidente Médici foi o primeiro a ser atingido

Foto: Arquivo Público de Tubarão, SC

- PUBLICIDADE -

As chuvas intensas do dia 24 de março de 1974, causaram a maior enchente do século XX em Tubarão, Santa Catarina. Após o nível do Rio Tubarão subir e transbordar, o bairro Vila Presidente Médici foi o primeiro a ser atingido. A partir do dia 22, as chuvas se tornaram cada vez mais intensas. No sábado, 23, várias pessoas já tinham deixado suas casas, que foram totalmente alagadas. A prefeitura e o Corpo de Bombeiros se mobilizaram para socorrer a população.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

No dia 24, os níveis da água já tinham estabilizado, mas os bairros continuavam alagados, foi no início da noite que a chuva voltou com intensidade. Muitos na tentativa de salvarem seus bens acabaram morrendo. A cidade ficou sem comunicação e um único helicóptero realizava o resgate das vítimas.

As residências no Morro da Catedral recebiam os desabrigados. Um saque aos Supermercados Angeloni ocorreu pela falta de comida. A enchente causou pânico em toda a população, até mesmo em quem não foi atingido pela água.

No dia 27 o sol apareceu, trazendo um pouco de esperança para a população. As águas do Rio Tubarão começaram a baixar e foi possível ver o tamanho da destruição nas ruas. Aos poucos, a cidade foi sendo reerguida. 

Foram registradas oficialmente 199 mortes, mas não existe uma lista oficial com o nome de todos os mortos.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.