Eleições 2022: O que você precisa saber para votar neste domingo

Locais de votação podem sofrer mudanças. Antes de sair de casa, consulte sua seção eleitoral pelo site do TSE

Foto: Lucas Colombo/ Arquivo TN

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Amanhã, dia 2 de outubro, mais de 150 milhões de brasileiros devem ir às urnas para votar no primeiro turno das eleições de 2022. No Google, trabalhamos todos os dias, em diversas frentes, para levar conteúdos confiáveis e de fontes seguras para os eleitores e atuando no combate à desinformação eleitoral em nossas plataformas.

- PUBLICIDADE -

Abaixo, saiba como encontrar informações úteis em nossos produtos para te ajudar a votar de forma informada e segura:

Tudo sobre como votar

Na Busca do Google, ao procurar por informações sobre as eleições de 2022, como votar, como usar a urna eletrônica, onde votar ou por dúvidas sobre o título de eleitor, os eleitores encontram respostas fornecidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) diretamente no topo dos resultados. Por meio de um painel especialmente desenhado para as eleições, o eleitor encontra informações úteis sobre data e local de votação, a documentação necessária, o uso correto da urna eletrônica, além de links para baixar o aplicativo e-Título.

No YouTube, foram lançados painéis informativos que são exibidos quando os usuários pesquisam ou assistem vídeos de temas propensos a desinformação: o painel de integridade eleitoral, exibido na busca ou vídeo ao pesquisar sobre eleições no Brasil e que direciona o usuário para informações oficiais do TSE; o painel sobre urnas eletrônicas, que reforça a segurança do sistema eleitoral; o painel de “como votar” e o painel “informações de candidatos”. Em breve, no Google e no YouTube, teremos também painéis com informações sobre os resultados eleitorais. Saiba mais sobre como o YouTube tem contribuído para as eleições brasileiras no blog do YouTube Brasil.

Encontre sua seção eleitoral com ajuda do Google Assistente

Nos dias que antecedem a votação, os brasileiros costumam recorrer à Busca do Google para encontrar informações relevantes sobre seu local de votação, tais como zona, seção e endereço. Segundo dados do Google Trends, o interesse de pesquisa por “conferir local de votação” quintuplicou nos últimos 7 dias e aumentou 400%. Às vésperas do pleito, o termo “Quero saber meu local de votação”, por exemplo, cresceu 90% em 24 horas.

Por isso, estamos testando nesta eleição a nossa tecnologia de inteligência artificial Duplex para ajudar os donos de smartphones Android a consultarem o seu local de votação usando o Google Assistente. Já disponível no site do TSE, a funcionalidade guia os eleitores no passo a passo do preenchimento do formulário do tribunal para encontrar sua seção eleitoral.

Inédita no mundo, a experiência pode ajudar eleitores com atividades consideradas complexas por quem ainda não está tão familiarizado com o mundo digital. Para acessá-la em um celular Android, basta pesquisar por “TSE” na Busca no Chrome. Clique no botão “Encontre o local de votação usando o Google”. A opção aparece no começo dos resultados, abaixo do quadro do TSE.

Anote aí: o que você precisa saber antes de sair para votar

  • Locais de votação podem sofrer mudanças. Antes de sair de casa, consulte sua seção eleitoral pelo site do TSE, pesquisando na Busca ou diretamente pelo botão do Assistente.
  • De acordo com o TSE, você deve levar apenas um documento de identificação oficial com foto. O título de eleitor não é obrigatório. Entre os documentos aceitos, estão RG, CNH (Carteira Nacional de Habilitação), passaporte, e a versão digital do título, obtida no e-Título (caso você tenha sua foto por lá).
  • O aplicativo e-Título é uma opção. Ele é a versão digital do título de eleitor e, além de substituir o título físico na seção eleitoral, também permite ao eleitor que estiver fora do seu domicílio eleitoral justificar seu voto sem precisar comparecer a uma seção eleitoral. Mais informações, no site do TSE.
  • Lembre-se: na cabine, você deve deixar seu celular (ou qualquer dispositivo capaz de gravar foto, vídeo ou áudio) com o mesário.
  • Para essas e outras informações, acesse o site do Tribunal Superior Eleitoral.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.