Dia Internacional da Pessoa Idosa sugere reflexões

Iniciativa nas redes sociais @gov_mdhbrasil destaca encontro de gerações e qualidade de vida da pessoa idosa

Foto: © Tomaz Silva/Agência Brasil

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Neste sábado (1°), é comemorado o Dia Internacional da Pessoa Idosa. A data foi instituída por meio da Resolução 45/106, em 14 de dezembro de 1990, da Assembleia Geral das Nações Unidas. A celebração tem o objetivo de sensibilizar a sociedade brasileira e internacional para o impacto do envelhecimento da população.“Este dia nos reporta à necessidade de garantir às pessoas idosas o direito ao envelhecer com dignidade, respeito e ampla integração com a sociedade. É dever do Estado e de toda a nossa população fomentar tais atitudes”, aponta a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Cristiane Britto.

- PUBLICIDADE -

No contexto das manifestações referentes à data, a Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (SNDPI/MMFDH), bem como o Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa (CNDI), reforçam, em homenagem online, a importância das ações que promovem a intergeracionalidade como fator essencial para o envelhecimento ativo e saudável.

Na prática, a intergeracionalidade refere-se às relações saudáveis e de afeto entre avós, pais, filhos adultos e netos. Por exemplo, os netos podem viver experiências enriquecedoras com seus avós. Enquanto isso, os filhos adultos ajudam seus pais durante a velhice, já que essa fase da vida impõe certas restrições. Nesse sentido, o titular da SNDPI, Antonio Costa, lembra a emoção e sentimento de gratidão por viver esses encontros geracionais. “A especial relação que tenho com minha família me revigora a cada dia. Nos momentos com meus filhos e netos, sempre nos direcionamos para o amor, o carinho e o acolhimento fraterno. Para nós, pessoas idosas, o afeto é necessário para que possamos ter sempre em mente que o encontro de gerações nos faz viver de forma plena,” ressalta.

Nesta data especial, o secretário reforça ainda o compromisso com o bem-estar da pessoa idosa no sentido de dar continuidade à criação e à efetivação das políticas públicas. “Nossa estrutura de apoio à pessoa idosa está ligada à qualidade de vida de modo a proporcionar independência financeira, intelectual e qualquer outra que eles desejam conquistar. Orgulhamo-nos das conquistas alcançadas, celebramos os resultados, mas ainda há muito o que fazer”, frisa o gestor.

A partir de hoje, a participação do público será incentivada em nossas redes sociais do MMFDH por meio de cards, vídeos e stories em homenagem aos idosos. De maneira interativa, temas como cooperação, comunicação, experiência de vida marcarão a efeméride.

Acompanhe as redes sociais e participe da Semana em comemoração à data

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.