Departamento de Educação Infantil da Afasc lança projeto Olhar Sensível

Com a ajuda de parceiros, crianças passarão por teste de acuidade visual para detectar problemas oftalmológicos

Foto: Milena dos Santos

- PUBLICIDADE -

A principal forma de contato da criança com o mundo é a visão. Até que elas iniciem na escola, muitos dos problemas visuais que os pequenos possuem acabam passando despercebidos dos familiares. Quando chegam na escola, por precisarem fazer esforço ocular, os distúrbios visuais existentes se manifestam, e a criança acaba não acompanhando as atividades escolares.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Frente ao exposto, o Departamento de Educação Infantil (DEI) da Afasc irá iniciar nos seus 40 Centros de Educação Infantis (CEI) o projeto “Olhar Sensível”, onde as crianças que frequentam os Grupos 3, 4, 5 e 6 das creches passarão por teste de acuidade visual, quando solicitado pela professora, e encaminhado quando necessário para médico oftalmologista. A ação está sendo realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e seu Gilson da Silva, da Juner Joalheiro, que fará a doação dos óculos.

Segundo a coordenadora do DEI, Andreza Dagostim, algumas professoras e membros da equipe do departamento de Saúde, passaram por treinamento para realização do teste. “Cada CEI receberá sua tabela de Optométrica de Snellen para que as crianças sejam avaliadas. Após essa avaliação, será elaborada uma lista, que será encaminhada a Secretaria de Saúde, sendo na sequência a criança encaminhada ao optometrista para uma segunda avaliação minuciosa”, destaca.

O lançamento do projeto contou com a participação do secretário municipal da Saúde, Arleu da Silveira, do representante da Juner Joalheiro, Flávio Spillere e da presidente de honra da Afasc, Adriana Salvaro.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.