Criciúma: educação fornece aulas de Português para adultos estrangeiros

Aula inaugural ocorreu no Salão Ouro Negro, no Paço Municipal, com a presença de 70 estudantes

Foto: Divulgação/Decom

- PUBLICIDADE -

A Secretaria Municipal de Educação ampliou o projeto ‘Novos Caminhos’ e iniciou as aulas de Língua Portuguesa para população estrangeira adulta de Criciúma. A aula inaugural ocorreu na última terça-feira, 1º, no Salão Ouro Negro, do Paço Municipal Marcos Rovaris, com a participação de 70 alunos. O projeto da Secretaria iniciou no ano passado para os alunos estrangeiros da rede municipal.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Conforme o secretário municipal de Educação, Miri Dagostim, a secretaria, por meio do Programa Municipal de Educação para Diversidade Étnico Racial (PMEDER), realizou uma pesquisa para verificar a necessidade das aulas. “Percebemos a necessidade de ofertar para os adultos estrangeiros o curso de aperfeiçoamento da Língua Portuguesa, facilitando para eles a locomoção, a pedir ajuda, a fazer compra, ir ao médico, na biblioteca e até mesmo conhecer nossa cidade”, explicou o secretário.

As aulas serão realizadas duas vezes na semana na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Giácomo Zanette no período noturno. Ao todo, são 70 alunos que serão divididos em quatro turmas e o curso terá a duração de um ano. As aulas serão ministradas pelos professores de Língua Portuguesa e Francesa, Leila Graciela Santos Silva e o professor de Língua Portuguesa, Espanhola e Inglesa, Anthony Romeus.

Início do projeto

A Secretaria Municipal de Educação lançou o projeto ‘Novos Caminhos’ no ano passado. Na sede do Programa de Jornada Ampliada Escolar (Projae), 45 alunos estrangeiros possuem aulas de Língua Portuguesa no contraturno escolar. O objetivo é proporcionar um contato maior com a Língua Portuguesa e ampliar os processos comunicativos. A secretaria também oferta transporte escolar e lanche para os estudantes.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.