Cantata de Luz: presente da Unesc que emocionou a comunidade

Campus recebeu mais de 600 pessoas para espetáculo de canto coral, música e solidariedade


- PUBLICIDADE -

A junção de fatores como: programação cultural em família, campus especialmente decorado para as festas de fim de ano, tempo estável e apresentações culturais e artísticas impecáveis deram o tom da primeira Cantata de Luz Unesc, na noite desta sexta-feira (02/12). O espaço montado na Universidade para o evento recebeu mais de 600 pessoas em uma noite para ficar na história.

Com apresentações dos corais Unesc, Shequinah e Abba Pai, além do Musical Unesc e da participação de bailarinas do Colégio Unesc, culminando no espetáculo da Orquestra Sinfônica de Santa Catarina (OSSCA), os estudantes, colaboradores, professores, familiares e visitantes puderam vivenciar o verdadeiro significado da expressão “música para os meus ouvidos”.

- PUBLICIDADE -

Olhares encantados, sorriso largo, pés que acompanhavam a batida da música e mãos ritmadas em aplausos fervorosos deixaram claro que o presente oferecido pela Universidade foi recebido com gratidão.

Ao menos é o que garantiram as amigas Irene Córdoba e Raquel Pereira. Admiradoras do trabalho da OSSCA desde que a conheceram em evento na Praça Nereu Ramos, há alguns anos, as duas não pensaram duas vezes quando souberam da realização da Cantata. “Esse é simplesmente o melhor presente que a Unesc poderia nos dar. É de arrepiar, de emocionar, de encher os corações”, disse Irene, a primeira a saber do evento e a convidar a amiga. Ao final da apresentação, com o relógio já marcando 22h30min, as duas ainda fizeram questão de se aproximar do palco e agradecer ao maestro José Nillo Valle.

Para a reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, não há forma melhor de celebrar um ano de conquistas, de superações e vitórias coletivas do que reunindo a comunidade acadêmica, trazendo a comunidade externa para dentro do campus e estimulando o acesso à arte e à cultura, tão presentes no dia a dia da Universidade. “Essa noite simboliza um momento de celebração, esperança e solidariedade. Desejamos, ao preparar um evento como esse, que realmente a luz seja multiplicada neste momento e que vocês todos possam levar daqui uma energia a mais para as celebrações de fim de ano”, destacou, agradecendo ainda todo o empenho da equipe de gestão em preparar com carinho cada detalhe do evento.

Com os olhares atentos ao verdadeiro espetáculo que presenciava, Luciane, assim como as centenas de pessoas que prestigiaram a Cantata, viram ainda a alegria de crianças, adultos e idosos, cada um à sua forma, curtindo o momento. A pequena Hadassa, que completa quatro anos na próxima semana, deu um show à parte ao, com a ingenuidade de criança, se deixar levar pelo ritmo da música e arriscar passos de dança e palmas bem em frente ao palco.

Sentada na primeira fila, a mãe, Vanusa Moreira dos Santos, também admirava a participação da filha, fã de música clássica, mesmo ainda tão pequena. “Ela se acalma com esse tipo de música e adora escutar, assim como dançar e assistir ballet. Ainda não entende muito, mas já dá para saber que gosta disso”, comentou. A menina vibrou do início ao fim e fez jus ao desejo da mãe de levá-la para curtir o evento. “Soube da Cantata pela televisão e, como moro perto da Unesc, logo pensei em participar e levar a Hadassa, pois sei que ela é encantada por esse tipo de coisa. Foi uma oportunidade muito especial”, destacou a visitante.

O clima de festa e gratidão foi sentido também pelo maestro e diretor artístico da Orquestra, José Nillo Valle. Percebendo o entusiasmo da plateia e até a participação de Hadassa em frente ao palco, o regente se mostrou empolgado, comandou o grupo com afinco e até dançou ao som dos instrumentos, convidando os participantes a fazerem o mesmo. “Nós falamos com o coração. A música é isso. Gratidão à reitoria e a todos os funcionários e visitantes que estiveram conosco neste momento. Nos sentimos em casa”, garantiu.

Nem as fortes chuvas que caíram durante a semana e até as paralisações nas estradas da região foram páreo para a Cantata de Luz. Contrariando até mesmo as previsões, o tempo permaneceu firme e a noite contou até com uma brisa para fazer parte do presente da Universidade.

Ainda no evento de celebração a Universidade homenageou os 30 anos do Coral Unesc, projeto que muito orgulha a instituição. O maestro Joel de Oliveira recebeu das mãos da reitora da Universidade uma placa comemorativa à passagem das três décadas de intenso trabalho dedicado à música.

Além de promover a cultura, a Cantata ainda estimulou a solidariedade, arrecadando, como forma de ingresso, quilos de alimentos não perecíveis para doação a famílias da região. A campanha de arrecadação de doações segue até o dia 10 de dezembro com pontos de coleta distribuídos por todo o campus.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.