Almeida Junior anuncia novos diretores corporativos

Lucas Medola assume como CFO e Rodrigo Rissato é o novo Diretor Comercial Corporativo

Fotos: Divulgação

- PUBLICIDADE -

A Almeida Junior acaba de ganhar dois importantes reforços na diretoria corporativa da companhia. O economista Lucas Medola, ex-PayPal, é o novo CFO (Chief Financial Officer) e Rodrigo Rissato, ex-Iguatemi, é o novo Diretor Comercial Corporativo da Almeida Junior. Lucas tem mais de duas décadas de experiência no mercado financeiro e de tecnologia, enquanto Rodrigo, mais de duas décadas de atuação no varejo. Os executivos chegam para fortalecer a gestão da Almeida Junior que se prepara para uma agenda robusta de investimentos em expansões e desenvolvimento imobiliário.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Medola ocupava, anteriormente, o cargo de CFO do PayPal na América Latina. “Minha maior meta como profissional é tornar a área financeira mais estratégica, multitarefa e parceira das áreas de negócios”, afirma. O novo CFO da Almeida Junior é economista formado pela PUC/SP, com MBA Executivo em Finanças pelo Insper e no programa The Emerging CFO em Stanford, nos EUA.

Rodrigo Rissato teve uma sólida trajetória na Iguatemi, onde ocupava a posição de Diretor Comercial responsável pelos 16 shoppings da empresa. Além disso, liderou grandes empreendimentos do grupo, como Shopping Pátio Higienópolis e Iguatemi São Paulo. O novo Diretor Comercial Corporativo da Almeida Junior é administrador, com pós-graduação em Administração Financeira pela Escola Superior de Negócios (ESAN-SP) e MBA em Gestão Comercial pela Fundação Getulio Vargas. “A dinâmica da Almeida Junior com importante crescimento já planejado e foco em qualificar ainda mais o mix dos shoppings da rede, com marcas exclusivas que colocam Santa Catarina em evidência, são alguns dos fatores que me motivaram a encarar o novo desafio”, destaca.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.