Um criciumense com a seleção

Leonardo Cittadin está escalado para manter o corte de cabelo dos jogadores brasileiros na Copa do Mundo


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Paris/França

- PUBLICIDADE -

Um criciumense está escalado para a Copa do Mundo do Catar. Em menos de dois meses, o cabeleireiro Leonardo Cittadin acompanhará os jogadores da seleção brasileira no desafio em busca do hexa. Nascido em Criciúma, ele mora em Londres há alguns anos e possui uma barbearia, com um sócio, Lucas Martins, na capital da Inglaterra.

Nesta semana, ele acompanhou os jogadores antes dos dois últimos jogos do time brasileiro, antes do Mundial. Leonardo atendeu a reportagem do Tribuna de Notícias, direto do estádio Parque dos Príncipes, onde o Brasil enfrentou a Tunísia.

Os cortes de cabelo de alguns atletas e de parte da equipe técnica para as partidas de ontem e da última sexta-feira, ficaram sob responsabilidade do catarinense. “Um sonho realizado. Acredito que muitos barbeiros e muitas pessoas queriam estar no mesmo ambiente que a gente está hoje. O sentimento é de gratidão e também a prova de que o profissionalismo e a responsabilidade que a gente trás na barbearia está no caminho certo”, afirma Cittadin.

Leonardo chegou na França no domingo, dia 25, e teve uma agenda lotada com a seleção brasileira até antes da partida de ontem. Os cortes foram feitos no hotel onde os jogadores estão hospedados. Neymar, Roberto Firmino, Thiago Silva, Marquinhos, Casemiro, Fabinho, Pedro e Militão foram alguns dos atletas que tiveram o cabelo cortado por Cittadin.

Cortes tem penteados da moda

De acordo com Leonardo, os cortes escolhidos pelos jogadores são os que estão na moda. Geralmente com degradê. Mas algumas novidades podem ser apresentadas até a Copa. “Com certeza vão lançar cortes diferentes, algo que vai ser mais uma coisa do momento, alguma atualização”, comenta.

Leonardo já está ansioso para a competição no Catar. “Eles perguntam se podemos ir, recebemos alguns convites da comissão técnica e de alguns jogadores e ficaremos no mesmo hotel”, diz.

O catarinense já possui data para pousar no Catar, onde ficará por, pelo menos, um mês. Os jogadores costumam cortar os cabelos semanalmente e, por isso, é necessário um acompanhamento. Pelo menos 30 cortes já estão programados. Leonardo faz os cortes e o sócio, Lucas, é o responsável pela logística para a ida ao Oriente Médio. “A gente se trata como amigos. Já atendemos alguns deles em casa, então fica algo mais íntimo. Eles já mandam mensagem, por exemplo, pedindo nossos produtos. Fomos convidados por eles e quando chegamos aqui cortamos o cabelo também do resto da equipe”, conta Leonardo.

A recepção rendeu, inclusive, um presente: uma camisa autografada por todos os jogadores e entregue pelo técnico Tite.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.