- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Saiu tudo conforme o roteiro esperado pelos torcedores do Criciúma: na noite desta segunda-feira, o Tricolor Carvoeiro fez 2 a 1 no Guarani, de Palhoça, e confirmou a vaga para as semifinais da Série B do Catarinense. E a classificação começou a ser desenhada com um golaço: Hygor, aos 11 minutos da primeira etapa, de bicicleta, abriu o placar. Renan Areias chegou a acertar a trave, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, o jovem lateral-direito Kaik marcou o segundo. Porém, Guilherme Olavo, de cabeça, ainda descontou. No final, 2 a 1 e classificação do Criciúma. Agora, o Tricolor Carvoeiro espera por Nação ou Caravaggio, que definem o outro semifinalista no sábado, para começar a disputa por uma vaga na Primeira Divisão Estadual de 2023. As duas partidas decisivas devem acontecer entre os dias 18 e 26 deste mês. Até a primeira data, o Criciúma estará totalmente envolvido com a Série B do Brasileiro.

Com campo muito molhado, até com algumas poças d’ água, principalmente na região do meio-campo, o jogo começou rápido, com ambos os times buscando o ataque. Aos quatro minutos, Rodrigo Souza, que marcou um belo gol contra o Atlético Tubarão, no final da primeira fase, arriscou de fora da área, mas a bola parou na zaga. Aos oito minutos, Lucas Xavier recebeu um passe na área e bateu forte, mas a bola caprichosamente saiu pela linha de fundo . Grande chance desperdiçada pelo Criciúma. Aos 11 minutos, Marcos Serrato cruzou da direita e Hygor, de bicicleta, abriu o placar: 1 a 0, em um golaço. O Guarani até tentava, mas não conseguia chegar no gol defendido por Alisson.

Bem postado, o Criciúma não sofria perigos e apenas administrava a partida, em busca do segundo gol. A partir daí, o jogo perdeu em qualidade e ficou muito truncado pelo meio campo, sem grandes chances para ambas as equipes. Bem fechado, o Guarani se protegia, mesmo perdendo por 1 a 0, e não permitia novas chegadas do Tigre ao ataque. O Criciúma tinha mais posse de bola, mas apenas tocava lateralmente e esbarrava na marcação. Aos 29 minutos, Gustavo Alexandre fez boa jogada pela direita, fechou pelo meio e bateu forte, mas Alisson defendeu.

Aos 36 minutos, Gustavo Alexandre cobrou falta da direita e Heryck Vieira cabeceou para a fácil defesa de Alisson. O time de Palhoça melhorou na partida, mas não levava perigo ao gol carvoeiro. Aos 39 minutos, Juninho fez grande jogada pela esquerda e Brayan Krüger fechou na pequena área, mas Alisson fez uma defesa incrível e evitou o empate. O Tigre perdeu espaço e permitiu a evolução do time de Palhoça. Aos 41 minutos, Lucas Xavier fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Caio Dantas, que driblou e finalizou, mas em cima da marcação. No minuto seguinte, Marcão falhou e a bola sobrou para Renan Areias, na intermediária, que finalizou rasteiro e a bola caprichosamente pegou no pé da trave e saiu. Quase o segundo gol do Criciúma, que voltou a acelerar a partida, após o susto no ataque do time de Palhoça. No final do primeiro tempo, vitória parcial do Tigre.

Gols e pênalti defendido na etapa final

No primeiro minuto da etapa final, Juninho cobrou falta e Kendy cabeceou mal, pela linha de fundo. O time de Palhoça voltou mais ofensivo, buscando o ataque, mas não tinha sucesso no setor ofensivo. Aos 10 minutos do segundo tempo, Caio Dantas pegou uma bola espirrada, avançou, mas não conseguiu finalizar. A partida seguiu com menos intensidade na etapa final. Aos 15 minutos, após cobrança de falta, João Gabriel finalizou com força, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 19 minutos do segundo tempo, o mesmo João Gabriel fez jogada da direita para o meio e bateu forte para a defesa de Alisson. O Criciúma não chegava ao ataque com força e permitia a chegada do Guarani de Palhoça. Aos 22 minutos, porém, o Tigre chegou forte pela direita, o jovem lateral Kaik invadiu a área e bateu forte para ampliar: 2 a 0. Aos 27 minutos, Juninho cobrou falta e Guilherme Olavo, de cabeça, subiu e descontou: 2 a 1.

Aos 32 minutos, João Gabriel fez boa jogada e foi derrubado na área por Zé Marcos: pênalti. Na cobrança de Brayan Krüger, Alisson voou no canto esquerdo e fez a defesa, impedindo o empate do time de Palhoça. Aos 42 minutos, Alexandre Tam fez boa jogada e tocou para Fernando Viana, que perdeu o ângulo e desperdiçou. Na sequência, Rodrigo Souza avançou pelo meio e bateu colocado, mas Jonathan Aguiar fez uma grande defesa e colocou para escanteio. No final, vitória e classificação do Tigre na Série B do Catarinense.

Campeonato Catarinense – Série B – Quartas de final – Jogo de Volta

Segunda-feira (08/08) – 20 horas – estádio Heriberto Hülse, em Criciúma

CRICIÚMA

Alisson; Kaik, Rayan, Zé Marcos e Helder (Guilherme Silva); Renan Areias (Gustavo Cazonatti), Marcos Serrato e Rodrigo Souza; Lucas Xavier (Fernando Viana), Caio Dantas (Lucas Poletto) e Hygor (Alexandre Tam). Técnico: Cláudio Tencati

GUARANI

Jonathan Aguiar; Gustavo Alexandre (Mateus Sardagna), Guilherme Olavo, Pavani (Thulio Lelis) e Juninho; Marcão, Renan Pitbull e Heryck Vieira (João Gabriel); Vini Moraes (Kendy), Brayan Krüger e Igor Paim (Bruno Henrique). Técnico: Luis Carlos Cruz

Arbitragem: Gustavo Ervino Bauermann; Auxiliares: Alex dos Santos e Johnny Barros de Oliveira

GOLS: Hygor (11/1T) e Kaik (22/2T) (C); Guilherme Olavo (27/2T) (G)

Cartões Amarelos: Rodrigo Souza (C)

Cartões Vermelhos: Não houve

Público: 3.968

Renda: R$ 56.070,00

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.