Tencati exalta mobilização coletiva dos jogadores

O treinador também ressaltou a atitude diferente do time em campo


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Após a vitória desta quarta-feira, o técnico Cláudio Tencati exaltou o trabalho coletivo do Criciúma. Sem o grande astro, Marquinhos Gabriel, o treinador destacou o empenho do grupo de jogadores. “Tivemos um trabalho intenso, mas dou os parabéns para a equipe, para os jogadores, porque eles entraram focados, concentrados e com trabalho de equipe. E não preocupado em evidência de um ou de outro. Trabalho em equipe, foi isso que o time focou. E a equipe vai trabalhar voltada a isso”, diz.

O treinador também ressaltou a atitude diferente do time em campo. “Essa mobilização da equipe que se cobrou muito. A equipe teve atitude diferente. Eu vejo que foi uma mobilização, não só de uma conversa minha com eles, mas a equipe se mobilizou. Por isso, estou ressaltando o trabalho dos atletas, porque sabíamos que precisávamos reagir e fazer algo diferente”, destaca.

Para Tencati, o Criciúma foi resiliente e superou as adversidades. “Em conversa, após o resultado negativo, diante do Novorizontino, citei alguns exemplos de equipes que tiveram derrotas pesadas, no Brasileiro, e fizeram, na sequência, reação. Citei o exemplo do Sport, que tinha tomado quatro do Ituano, fora, e teve uma reação importante, em casa, e ganhou do CSA. A Série B é um campeonato de resiliência e superação. Você tem que ter poder de reação e superar. Você tem que ser resiliente e superar. Então, teve derrota, ela é pesada? Muda a chave. Vamos focar no próximo, que era o Operário hoje. Então, teve essa mobilização”, comenta.

Muito contestado pela torcida, o atacante Hygor abriu o caminho da vitória e Tencati ressaltou a importância do jogador para o time. “É um jogador que a gente sabe da capacidade dele. É um atleta que muito cobram um encantamento, mas esqueçam isso. Ele é extremamente comprometido e competitivo. É um atleta muito focado no objetivo de gol. Ele não é um cara extremamente habilidoso e, às vezes, o torcedor quer isso: o que o Bilu vinha fazendo. Não. Não é característica do Hygor, mas ele é competitivo, marca alto, disputa bola, jogo aéreo muito bom, ajuda a defender e atacar. Finaliza bem e começou a crescer para gols. Ele está crescendo no momento certo”, finaliza.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.