SC: Prefeituras tem até dia 11 para se cadastrarem em programa esportivo

O  Programa oferta práticas esportivas no contraturno escolar para crianças e adolescentes na faixa etária entre 10 a 16 anos

Foto: Heron Queiroz / Fesporte

- PUBLICIDADE -

Prefeituras e entidades sem fins lucrativos terão até o dia 11 de abril para se cadastrarem como unidades executoras do Programa de Iniciação Desportiva Escolar (Pide), desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Fesporte, em parceria com instituições de ensino superior. Poderão participar deste Chamamento Público, as unidades escolares públicas, prefeituras, secretarias ou fundações municipais, além de entidades sem fins lucrativos com sede em Santa Catarina.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

O  Programa oferta práticas esportivas no contraturno escolar para crianças e adolescentes na faixa etária entre 10 a 16 anos, que estejam regularmente matriculadas na rede de ensino público estadual e municipal.  O início das atividades deverá ocorrer ainda no primeiro semestre. O edital completo já está disponível no Portal de Compras do Estado e no site da Fesporte.

No processo de seleção será fundamental que as unidades tenham em seu quadro funcional, ao menos um profissional de educação física com registro e instalações adequadas para realização das atividades, entre outros requisitos previstos no edital. Também já está publicada a relação dos primeiros 100 bolsistas que irão atuar no Pide. São estudantes da região Oeste, onde estão as unidades de ensino da Unoesc que possuem cursos de Educação Física.

As unidades executoras selecionadas irão ceder o espaço físico e quadro de horários para as aulas do Pide. As atividades serão ministradas por monitores, acadêmicos de educação física, cedidos em parceria com Instituições de Ensino Superior, previamente cadastradas. As unidades executoras serão classificadas em ordem decrescente, de acordo com a pontuação total obtida nos critérios de classificação.

Cerca de 500 acadêmicos estão sendo selecionados para atuarem no Pide.  A ideia é atender cerca de 20 mil jovens e adolescentes em todo o Estado. “A formação em idade escolar tem papel central na construção dos conhecimentos e hábitos da população. Será um aprendizado que as crianças irão levar para a vida, promovendo saúde, qualidade de vida e contribuindo para o aprendizado escolar”, avalia o presidente da Fesporte Kelvin Soares.

*Via Governo de Santa Catarina

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.