Karatecas de Içara garantem vaga nos JEB´s do Rio de Janeiro

Meninas da equipe de caratê da FME de Içara conquistaram ouro nos JESC em Blumenau

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Duas karatecas que integram a equipe de karatê da Fundação Municipal de Esportes (FME) de Içara estão classificadas para os Jogos Escolares Brasileiros (Jeb´s) que irão ocorrer no Rio de Janeiro. Ambas, asseguraram classificação após conquistarem medalha de ouro nos Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC) em Blumenau no último final de semana. Elas participaram da categoria kumitê entre 12 e 14 anos. A comitiva de Içara teve a participação de 24 atletas.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Emilly Zefino Pereira, 13 anos, foi a vencedora na categoria +64kg e Isabela Bonilha de Campos foi a vencedora na categoria -54kg. Cada lutadora precisou vencer cinco vezes para conquistar o título e a vaga. “Nossos adolescentes têm uma impressionante vocação para o esporte e o karatê tem ocupado importante espaço nessa preferência com excelentes resultados que nos orgulham”, comentou a prefeita Dalvania Cardoso.

“Foi um excelente final de semana para nosso karatê, com resultados bons. Nossas meninas brilharam mais uma vez e nos colocaram nos jogos brasileiros escolares onde temos a melhor excpecativa”, comentou o professor Everaldo Pereira. Também em Blumenau, as caratecas Carolaine Pereira (kata individual), Sabrina Pereira (kumitê +61kg) e Thayane Teixeira (kumitê +68) conquistaram vaga para os Jogos Universitários Brasileiros (JUB´s) que irão ocorrer em Brasília. Ambas integram a equipe da FME e são estudantes da Unesc, entidade pela qual participaram da competição.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.