Lumiar terá primeira unidade catarinense na Cidade Inteligente Criciúma

A partir de 2023, instituição traz conceito “Glocal”, ensino bilíngue em período integral com metodologia de ensino considerada entre as mais inovadoras do mundo pela Unesco

Foto: Arquivo/Decom

- PUBLICIDADE -

Um novo conceito de educação chega ao Sul de Santa Catarina a partir de 2023, com a abertura da Escola Lumiar na Cidade Inteligente de Criciúma. O anúncio da chegada da instituição foi realizado nesta quarta-feira (8), na presença dos CEOs da Lumiar, Lucas Mendes e da Weber Cidades Inteligentes, Fernando Weber, e do head da W/Fábula, Luciano Cacace.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

A unidade de Criciúma será a primeira da Lumiar em Santa Catarina e tem como principais diferenciais uma metodologia contemporânea voltada à aprendizagem de competências e habilidades sócio-emocionais, em período integral e bilíngue (português-inglês). Considerada uma das escolas mais inovadoras do mundo pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), tem sua metodologia aplicada em países como Estados Unidos, Inglaterra, Holanda, Índia, Nigéria e Portugal.

Em paralelo, a Lumiar possui projetos de expansão no Brasil e em nível internacional. Em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, a instituição tem como parceiro a W/Fábula Educação, empresa do grupo Weber. “Temos o propósito de trazer a metodologia inovadora e contemporânea da Lumiar com o objetivo de preparar as futuras gerações para um mundo ágil e colaborativo. Um conceito com olhar global e ao mesmo tempo fortemente conectado à comunidade e sua cultura, o chamado “glocal”, explica o head da W/Fábula, Luciano Cacace.

A Escola Lumiar fará parte do ecossistema da Cidade Inteligente Criciúma, empreendimento da Weber Cidades Inteligentes na região do bairro São Luiz (a 1km do Paço Municipal). A empresa está desenvolvendo a infraestrutura onde negócios e moradias darão vida ao espaço onde devem morar no futuro cerca de 20 mil pessoas. Além da instituição educacional, já estão asseguradas as construções de uma unidade da Rede Althoff Supermercados, um posto de combustível, uma academia Cia do Exercício e um centro esportivo com campo de futebol, quadras de beach tennis, futevôlei, paddle e outras modalidades.

“Uma cidade inteligente pressupõe um ecossistema completo para toda comunidade, com bem-estar, segurança, qualidade de vida, serviços de comodidade, inovação, arquitetura moderna e coerente com o ambiente sustentável, dentre diversas iniciativas que proporcionam para as famílias o melhor lugar para se viver e conviver. E acreditamos que o elo que une tudo isso é a educação”, afirma o CEO da Weber Cidades Inteligentes, Fernando Weber.

 

Mais sobre a Lumiar em Criciúma

A futura escola terá uma área de 3 mil m² e pretende impactar inicialmente até 750 estudantes. Nos próximos meses, a instituição fará o recrutamento dos colaboradores – professores (denominados tutores e mestres), equipe pedagógica, administrativa e de apoio. Serão contratados cerca de 100 profissionais.

 

A Weber Cidades Inteligentes

Com 35 anos de atividades no segmento imobiliário, a Weber Cidades Inteligentes se tornou referência em soluções inovadoras para a transformação de cidades em ecossistemas inteligentes, com infraestrutura para educação, bem-estar e empreendedorismo.

Tem empreendimentos residenciais de alto padrão, multipropriedade e comfort em 18 municípios catarinenses e gaúchos, totalizando mais de 10 milhões de m² de áreas urbanizadas. Entre seus investimentos, destacam-se os bairros inteligentes, um ecossistema que coloca as pessoas em primeiro lugar e impulsiona o desenvolvimento de toda a região por meio da geração de novos negócios e infraestrutura de educação.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.