Concurso arquitetônico propõe construção sustentável

Iniciativa envolve o projeto do primeiro prédio da Cidade do Conhecimento, em Criciúma (SC)

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Entender como as construções estão conectadas ao meio em que foram concebidas, em como há conexões que precisam ser levadas em considerações são pontos dos profissionais da Arquitetura e da Engenharia que pensam e trabalham com construções sustentáveis. E é isso que será o ponto forte do concurso arquitetônico do primeiro prédio da Cidade do Conhecimento. O empreendimento é liderado pela Satc na cidade de Criciúma (SC). 

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

O concurso envolve a entrega de um projeto conceitual da construção do prédio e também de uma passarela que fará a ligação entre o CTSatc e o Centro de Eventos AM Master Hall. O edital completo está disponível no site da Cidade do Conhecimento e as inscrições devem ser feitas até dia 27 de novembro. 

No edital, o participante deve seguir orientações que envolvam a sustentabilidade, balanço de carbono e eficiência energética. “O edifício é parte do processo, de um ciclo. É necessário pensar nos materiais, fornecedores, em tudo que está envolvido. O seu edifício está ativo, faz parte, atua para a transformação desse conhecimento. Ele é dinâmico, evolui junto”, ressaltou o arquiteto e urbanista, Alexandre Gobbo Fernandes.  

Especialista na área de sustentabilidade e economia circular, Gobbo participou do Open Cast, o podcast em que trata de forma mais aprofundada sobre o tema. Ele está disponível no canal da Satc no Spotify (acesse aqui).  

O concurso é voltado para arquitetos e engenheiros civis, devidamente regularizados nos respectivos conselhos de classe, de todo o Brasil. Serão selecionados os seis melhores trabalhos, sendo que os três primeiros receberão premiação em dinheiro e os demais menção honrosa. O primeiro lugar terá um prêmio de R$ 45 mil. 

Visitas guiadas para profissionais 

Conhecer o espaço que receberá a edificação é algo que os interessados podem fazer. No dia 22 de novembro está agendado o segundo dia de visitas. Os engenheiros e arquitetos podem vir visitar o terreno. 

A primeira visita já ocorreu no início de novembro. Agora, a equipe técnica está com nova agenda aberta. “O objetivo é mostrar o espaço que terá o prédio e também onde será colocada a passarela. Além disso, os visitantes conhecem o que compõem o Centro Tecnológico. Esse é o momento de esclarecermos alguma dúvida que os profissionais possam ter”, explica a analista ambiental do Centro Tecnológico Satc (CTSatc) Regina Freitas Fernandes. 

O período de inscrições termina no dia 27 de novembro. Já o prazo para o envio dos projetos será concluído dia 31 de janeiro de 2023.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.